Tag: antioxidante

Por que a pimenta vermelha é aliada contra as gordurinhas extras

Conteúdo original Boa Forma

A eficiência da pimenta vermelha contra as gordurinhas faz até quem não é muito fã de comida picante caprichar no tempero. O esforço
 vale a pena, segundo um estudo recém-divulgado no mBio, jornal
da Sociedade Americana de Microbiologia.

A capsaicina, substância responsável pelo ardido da especiaria, não só estimula o organismo a queimar mais calorias como mantém o equilíbrio entre as bactérias boas e ruins do intestino. Resultado: menos inflamações crônicas, o que impede o ganho fácil de peso. “A pimenta ainda tem ação antioxidante e protege contra o câncer”, diz a nutricionista Cyntia de Oliveira, do Centro Universitário Celso Lisboa, no Rio.

Quanto consumir

Meia pimenta dedo-de-moça ou 1 colher de chá da versão em pó por dia, desde que você não tenha gastrite, úlcera
e tendência a hemorroida.

O poder antioxidante da casca da cebola

Conteúdo original Mais Equilíbrio

A casca da cebola tem muito mais utilidades do que se pensa. E é justamente a primeira coisa que jogamos fora quando vamos cortar esse ingrediente, não é mesmo? Entretanto, você pode usá-la para tratar feridas, melhorar sua saúde e até o seu cabelo.

Uma pesquisa realizada recentemente nos Estados Unidos comprovou que a quercetina, substância presente na casca, tem propriedades anti-inflamatórias, além de ser um poderoso antioxidante, contribuindo para a diminuição do colesterol ruim, pressão arterial, além de combater alergias, alguns tipos de câncer e depressão.

Compostos como a quercetina são comuns de se acumular em plantas com peles e cascas, uma vez que essas funcionam como uma armadura contra agressões ambientais. Veja abaixo como aproveitar melhor a quercetina, beneficiando-se com ela:

  • Adicione a sopas, ensopados e ao arroz enquanto o líquido dessas receitas estiver em ebulição. Pode ocorrer da água adquirir uma coloração marrom;

  • Para deixar o cabelo mais liso e macio, coloque as cascas em uma infusão em 2 copos de água quente por 15 minutos. Após lavar o cabelo, despeje essa mistura e deixe secar naturalmente. E o melhor de tudo, não fica cheiro de cebola!

  • Contra a coceira causada por sarna e outras infecções, lave o local com um chá da casca da cebola: ferva as cascas com 1 xícara de água por 10 minutos e coe. Você também pode tomá-lo para benefícios à saúde até três vezes ao dia, adoçado com mel ou açúcar mascavo.

 

CARTRYON: o óleo de cartamo que ajuda a secar*

dsc02502

É normal ter dúvidas e não saber exatamente como e quanto se deve consumir. O óleo de cártamo em gel CARTRYON é uma opção prática e na medida para lhe ajudar a conquistar mais saúde e ainda outros benefícios como ação antioxidante, diminuição do nível de colesterol ruim e controle do triglicérides.

dsc02507

O CARTRYON fornece em suas cápsulas uma gordura vegetal, proveniente da família do girassol, de alto valor biológico, naturalmente rica em ômega 6 e fonte de vitamina E. Também contém ômega 9 e pequenas porções de vitaminas A e K.

Dentre os efeitos do óleo de cártamo estão: o auxilio à cicatrização, o estímulo ao aumento da queima de gordura corporal, proteção contra a queda de imunidade e a diminuição da queda de cabelo.

“O ômega 6 presente no óleo de cártamo atua como catalisador da queima de gordura marrom”, explica a nutricionista Carla Noce. A gordura marrom tem a função de gerar calor para os órgãos vitais e, por isso, é uma “gordura boa” e “queimadora de calorias”. Quando o ômega 6 acelera a queima desse tipo de gordura, o corpo busca energia na gordura branca, localizada na barriga, cintura e quadril. Já o ômega 9, por sua vez, diminui a produção de cortisol, um dos hormônios responsáveis pelo armazenamento de gordura na região abdominal. Esta aí o motivo por que o óleo ajuda tanto a afinar a cinturinha! – M de Mulher

O CARTRYON ainda estimula a sensação de saciedade, reduzindo o apetite, e combate a celulite, pois colabora na diminuição da retenção de líquidos. É vendido em duas versões, com 100 e 150 cápsulas de 1000 mg. A recomendação é tomar uma cápsula ao dia, meia hora antes ou logo depois da refeição principal.

dsc02505

Para adquirir o CARTRYON, bem como outros suplementos com bom preço e bom custo benefício, vá na Bom Suplemento.

*Publipost: esse é um post encomendado por acordo de permuta mito de que incluir gorduras na alimentação atrapalha o emagrecimento vem cada vez mais caindo por terra. Isso porque estudos científicos têm provado que todos precisamos ingerir gorduras de boa qualidade diariamente, pois são essenciais para manter o equilíbrio e o bom funcionamento do nosso organismo.

Dormir mais e beber vinho ajudam a emagrecer: pode isso Arnaldo?!

A regra é clara: a dupla de ataque que realmente funciona no processo e manutenção do emagrecimento é reeducação alimentar e atividade física. Porém, estudos recentes têm divulgado que dormir por mais tempo e beber uma taça de vinho tinto podem ser mais benéficos do que o esforço na academia. Mas, espera né, gente! Não é pra vestir o pijama e pular na cama com a garrafa do lado. Não é tão simples assim e há condições para que esses métodos funcionem.

Esses resultados são de duas pesquisas diferentes, uma que descobriu os efeitos de uma substância presente no vinho tinto para o desempenho físico e a outra que revelou os benefícios de dormir mais para o funcionamento da cadeia hormonal.

Vinho tinto pode? Somente aos especiais…

wine-541922_640

Segundo uma investigação da universidade canadense Alberta, uma taça de vinho atua no corpo de pessoas com alguma deficiência física forma semelhante à uma hora de atividade na academia.

Isso graças ao resveratrol, um antioxidante que provoca reações benéficas muito próximas às dos exercícios, como aumento dos batimentos cardíacos, da força e melhora da pressão arterial.

O resveratrol age como simulador ou potencializador de ganho de qualquer atividade que uma pessoa com limitações físicas possa fazer. E então, nesses casos, a ingestão do vinho pode ser uma aliada ao aumento da qualidade de vida pelo desenvolvimento do corpo.

E dormir? Todo mundo pode?

Esse é o prazer mais venerado e está, sim, liberado para todos. Especialistas garantem que se deixar domar pela preguiça e completar as oito horas recomendadas de sono ao invés de pular da cama para malhar traz muito mais benefícios à saúde.

Isso porque o sono é super importante para a manutenção da nossa saúde. É nesse intervalo de tempo que nosso corpo se restaura e recupera.

“A atividade é tão intensa nesse período que o corpo usa a maior parte das calorias que ingerimos durante o dia na chamada taxa metabólica de repouso, responsável por cerca de 70% de nosso gasto calórico.”

sleep-55792_640

Enquanto deixar de dormir para se exercitar acarreta na interrupção de processos essenciais para o bom funcionamento do organismo, que a atividade física não é capaz de repor ou resgatar. Dormir pouco, independentemente das causas, resulta em reações pouco desejadas como o aumento do apetite e o estímulo ao aumento de gordura abdominal.

No entanto, não se deve deixar de praticar algum tipo de exercício ou atividade achando que só dormir é o suficiente para alcançar a saúde e o emagrecimento. Manter o corpo ativo, uma dieta balanceada e descansar o tempo necessário é essencial.

Por isso, o ideal ainda é confiar na duplinha alimentação correta e atividade física, dormir bem e deixar o vinho para o consumo moderado aos finais de semana e ocasiões especiais. E nada de trapacear e querer usar o vinho para chamar o sono e conseguir ir pra cama mais cedo, pois o álcool interfere no metabolismo e resulta num sono de baixa qualidade.

Fonte: Vogue Beleza

3 tops sementes para consumir já

Se você quer emagrecer, dar um up no corpinho, engordar ou simplesmente cuidar da manutenção do seu bem-estar, deve saber que a chave do sucesso está no que você come, não é mesmo? Já demos algumas dicas aqui de pequenas alterações e inserções no cardápio cotidiano para te ajudar a turbinar a saúde. Por isso, nosso foco neste post são as sementes: 3 tops sugestões poderosas para potencializar sua alimentação.

Estamos falando do trio chia, linhaça e gergelim. Todas são pequenos grãos secos, fáceis de encontrar e com formas de ingestão bem semelhantes. Porém, cada uma é responsável por benefícios diferentes e podem ser combinadas, criando um único mix para ser utilizado diariamente [veja abaixo].

Inserir essas sementes na alimentação faz toda a diferença nos índices fisiológicos e, consequentemente na qualidade de vida.

chia-397076_640

Chia

A chia tem origem mexicana e pertence à família do linho e da sálvia. Apesar de pequenininha, ela é extremamente rica em propriedades nutricionais, como: ômega 3, magnésio, zinco, cálcio, ferro, vitaminas B1, B2 e B3.

Além disso, a chia auxilia a regular as taxas de colesterol no sangue, evita a formação das gordurinhas localizadas, previne e controla o diabetes, doenças cardiovasculares, tem efeito antioxidante e fortalece a imunidade. Também colabora com o emagrecimento, por conter muitas fibras e proteínas e aumentar a sensação de saciedade.

As propriedades são mantidas em todas as formas de consumo (crua, em gel, triturada e em óleo) e a indicação é de 25 gramas diárias, ou seja, duas colheres de sopa.

Como consumir: no suco, na vitamina, no iogurte, na tapioca, em receitas, shakes, massas, pestos etc.

sesame-316590_640

Linhaça

A linhaça é uma semente funcional, super aliada do emagrecimento, pela alta quantidade de fibras, que liberam glicose no sangue e inibem o acúmulo de gordura. Ela é benéfica ao coração, intestino e saúde dos ossos.

Também é rica em substâncias similares ao estrógeno, tendo relação com a proteção contra ao câncer de mama, atua no controle e prevenção de diabetes, tem ação anti-inflamatória e promove o equilíbrio entre o ômega 3 e 6.

Ela pode ser encontrada em duas versões, marrom e dourada, e em três formatos, grão, farinha e óleo. A porção diária recomendada é de uma colher de sopa (10 gramas).

Como consumir: em receitas, sucos, sobremesas, vitaminas, sopas, iogurtes, com frutas etc.

semente-de-gergelim_2986943

Gergelim

O gergelim vem de localidades entre a Ásia e a África e foi um dos primeiros alimentos cultivados pelo homem. Entre suas ações no organismo estão a lubrificação do intestino, controle de açúcar no sangue, combate dores e reumatismo, pois fortalece tendões e ossos, evita a queda dos cabelos e melhora a elasticidade da pele (graças ao poder antioxidante).

Ele também atua no fígado e rins, aumenta a saciedade e auxilia na eliminação e combate às gorduras ruins, prevenindo também a flacidez. É uma ótima fonte de proteínas e fibras, cálcio, fósforo, ferro e vitaminas do complexo B.

Seu consumo diário recomendado é de uma colher de sobremesa e sua melhor forma é em grão cru.

Como consumir: em saladas, na comida, em pratos salgados etc.

MIX de Sementes

“Normalmente as pessoas misturam grãos fontes de nutrientes diferentes, para atingir um benefício específico, nem sempre promovido por todos os grãos do mix. Com benefícios à saúde próximos ao da chia, temos a linhaça, o gergelim e o girassol. Mas não é recomendado consumir uma porção de cada uma deles por dia, devido à alta quantidade de calorias que essas sementes possuem. Sendo assim, uma solução pode ser fazer um mix destes grãos e consumir até 25g do mix ao dia.”

Fonte da citação: Minha Vida