Tag: aquecer

Receita: Chá cremoso de canela

Receita Cozinha da Maria

  • 1 xícara de leite (de sua preferência)
  • 1/2 colher de chá de canela em pó
  • 1/2 colher de chá de gengibre em pó
  • Mel para adoçar
  1. Aqueça o leite em uma panela pequena.
  2. Quando estiver quente, mas sem levantar fervura, adicione todos os ingredientes e mexa bem.
  3. Quando levantar fervura, desligue o fogo e sirva em seguida.

Receita: Sopa de Grão de Bico

DSC02038

Enfim, o friozinho chegou. Demorou, mas veio! E com ele, vem também aquela vontade de comer coisinhas quentinhas, rápidas e saborosas, como cremes e sopas. Essa semana já teve teste por aqui, que olhaaaa, deu muito certo. Por isso, nossa receita do dia é sopa de grão de bico.

O grão de bico é um dos ingredientes mais versáteis que existe. Dá para consumir o grão cozido temperado em substituição ao feijão, frio em saladas, para fazer homus, falafel… e agora, sopa! É uma delícia, além de super nutritiva.

Sopa de Grão de Bico

DSC02041

  • 250 gramas de grão de bico cozido (com a água do cozimento)
  • 2 dentes de alho
  • 1/2 linguiça calabresa cortada em cubinhos (pode substituir por frango, carne, tofu etc.)
  • 1 batata média cozida picada
  • 1 cenoura média cozida picada
  • Temperos secos a gosto (usei chimuchurri)
  • Fio de azeite
  • Sal

Bata o grão de bico já cozinho com a água do cozimento e o alho até que vire uma pasta, acrescente mais água, o quanto bastar, para chegar a consistência. Vale usar a água do cozimento dos legumes (batata e cenoura).

Numa panela, frite bem a linguiça calabresa, sem nenhuma adição de óleo, e dispense o óleo que ela soltar. Você também pode usar frango em cubos, carne em tirinhas, carne seca, tofu em cubinhos, legumes… o que preferir.

Adicione o grão de bico batido e misture. Coloque também a batata e a cenoura picadinhas. Junte os temperos secos e acerte o sal. Deixe levantar fervura e está pronto.

Caminhada seca-barriga

por Christina Biltoveni em M de Mulher

belly-2473_640

Estudos realizados em centros de pesquisa do mundo todo comprovam que a mais simples de todas as atividades físicas – andar – é uma forma eficaz, fácil e barata de emagrecer, ganhar fôlego e proteger o coração. A novidade é que especialistas americanos descobriram que caminhar é tiro e queda para acabar com a gordura abdominal. Eles analisaram a relação entre esse tipo de exercício e os excessos que insistem em se alojar na barriga e provaram que uma média de duas horas e meia de caminhada por semana pode exterminar as sobras nessa região e diminuir até 2,5 centímetros em quatro semanas.

Mas por que caminhar funciona tão bem para declarar guerra aos pneuzinhos? Segundo Tim Church, da Louisiana State University, nos Estados Unidos, esse tipo de atividade ajuda a reduzir a gordura abdominal profunda, chamada gordura visceral. Se você se exercitar o suficiente para perder 10% da sua gordura corporal, pode, na verdade, diminuir a gordura visceral em até 30%, diz Church. Porém, é preciso deixar claro que a caminhada só traz esse tipo de resultado se aliada a uma dieta saudável.

person-731281_640

Outro fator importante: quando a intensidade é variada durante o exercício, há uma maior metabolização da gordura como fonte de energia. Desse modo, andar se torna uma atividade mais eficiente e é possível conseguir resultados em menor tempo, defende Claudio Pavanelli, fisiologista da Sociedade Esportiva Palmeiras.

Por isso, os professores Emerson Bisan, da assessoria esportiva Nova Equipe, e Mickey Ferrari, da academia Reebok, ambas em São Paulo, montaram um programa em que você vai caminhar menos de uma hora por dia, cinco vezes por semana, e intercalar a intensidade durante o treino. Quando se faz o mesmo exercício todos os dias, não demora a atingir o que a gente chama de zona de conforto. O organismo acostuma, não é mais desafiado, e os benefícios ficam comprometidos, explica Mickey. Vamos lá!

Escolha o plano que mais se ajusta ao seu estilo de vida: há um programa para fazer na esteira ou na rua e o outro para quem gosta de andar na praia. Aposte no seu preferido e tire o máximo proveito dessa malhação com cara de passeio. Afinal, depois de tudo isso que você leu, sua caminhada nunca mais será a mesma.

A postura certa

running-573762_640

Enquanto você caminha, preste atenção em alguns itens importantes:

  • Cabeça: deve ficar alinhada com a coluna, mantendo o queixo paralelo ao chão, para evitar dores no pescoço.
  • Ombros: coloque-os para trás e não deixe com que tensionem a musculatura do pescoço.
  • Braços: eles acompanham o movimento, de preferência com os cotovelos flexionados a 90 graus, para evitar que as mãos inchem.
  • Barriga: contraia bem os músculos do abdômen enquanto caminha, como se levasse o umbigo em direção às costas. Além de trabalhar a região, você melhora a postura.
  • Pés: sempre que pisar, apóie primeiro o calcanhar no chão e então desenrole o pé. O tamanho da passada não deve ser nem muito curto nem muito longo. Dê passos macios, para não machucar os ossos da canela.

Pequenos cuidados para uma caminhada mais eficiente

girl-489113_640

  • Use roupas leves e escolha um tênis confortável, com sistema de amortecimento. Prefira modelos indicados para caminhada, cuja sola não é tão alta como nos de corrida.
  • Evite caminhar sob sol forte. Use chapéu ou boné e passe filtro solar no corpo todo, mesmo em dias nublados.
  • Nunca caminhe em jejum: se andar logo cedo, tome um suco, coma uma fruta ou uma barra de cereais e deixe o café completo para a volta.
  • Beba água antes, durante e depois da caminhada. É recomendável tomar um copo a cada 20 minutos.
  • A respiração deve ser a mais natural possível, de preferência nasal. O nariz aquece, filtra e umedece o ar. Ao respirarmos pela boca, isso não acontece.
  • Quando estiver adaptada à caminhada, não se acomode: você pode intensificar o trabalho apertando um pouquinho o passo, crescendo a inclinação da esteira, incluindo mais ladeiras no trajeto ou aumentando a duração do exercício.

Para o exercício render mais

Areia fofa = exercício turbinado
Nesse tipo de terreno, tudo bem caminhar descalça, porque o impacto é reduzido. De acordo com a fisiologista americana Therese Ikonian, na areia fofa você consume o dobro de calorias do que numa superfície dura. Além disso, como exige muito mais dos músculos, é um ótimo exercício para modelar as pernas.

girl-648937_640

Como calcular a frequência cardíaca máxima (FCM)

O que vai determinar a intensidade da caminhada é a sua frequência cardíaca. É importante monitorá-la e mantê-la dentro da faixa indicada no treino. Para isso, o primeiro passo é calcular a frequência cardíaca máxima (FCM), subtraindo a sua idade de 220.

Se tem 20 anos, FCM: 220 – 20 = 200. Para andar entre 60% e 70% da FCM, faça o cálculo: se a sua FCM for 200, a conta é 200 x 0,6 (120) e 200 x 0,7 (140). Isso significa que terá que manter o batimento cardíaco entre 120 e 140 vezes por minuto. Se tiver frequencímetro, melhor. Caso não tenha, pode utilizar também a tabela de percepção de esforço abaixo.

Entre no ritmo

Conseguir falar durante o exercício normalmente é um dos sinais que indica que você está mantendo a faixa ideal de batimentos cardíacos.

tabela moderado

Plano para caminhar na praia

Quem vai passar as férias no litoral ou mora em uma cidade praiana pode apostar no treino à beira-mar. Intercalar areia dura com areia fofa e andar na água são as variáveis que deixam esse programa mais forte. Você se exercitará por menos tempo, mas os terrenos exigem mais esforço.

legs-326550_640
Não esqueça de realizar o aquecimento antes (ande 5 minutos em ritmo lento, como se estivesse passeando) e o alongamento depois, para prevenir lesões.

semana1

semana2

semana3

semana4

Plano para caminhar na rua ou na esteira

Este programa dá para fazer ao ar livre ou usando o equipamento da academia ou de casa. As ladeiras nas ruas e a inclinação na esteira vão fazer a diferença e intensificar o treino.

corridor-749475_640
Não esqueça de realizar o aquecimento antes (ande 5 minutos em ritmo lento, como se estivesse passeando) e o alongamento depois, para prevenir lesões.

1

2

3

4

De olho no cardápio

Qualquer mudança no corpo requer atenção especial à alimentação. Ou seja: não adianta adotar um programa de caminhada para secar a barriga e continuar comendo de maneira errada. Os especialistas costumam dizer que mais de 50% do resultado de um plano de emagrecimento ou de definição muscular depende do que você coloca no prato. Portanto, antes de aderir à malhação, é necessário checar se você precisa mexer no cardápio.Nada de apostar em regimes radicais, basta optar por um menu balanceado e saudável.

Para eliminar as toxinas, sopas detox

Com o clima mais ameno e as temperaturas mais baixas a gente acaba comendo um pouquinho a mais mesmo, né? São tantas guloseimas gostosas, fondue, chocolate, doces juninos… Por isso, desintoxicar também faz parte do calendário de inverno! E, para espantar o frio, a maneira mais gostosa de limpar o corpo é com sopas detox!

parsley-791806_640

Não é muito mais prático? Aliar a delícia de tomar uma bela sopa com o cuidado de expulsar as toxinas do organismo, mantendo-se aquecido e saudável, com tudo funcionando direitinho. Mas, para evitar abusos, vale lembrar que o blog está cheio de receitinhas do bem. Pode explorara a vontade!

1 Sopa Detox de Batata-doce e Lentilha

soup-570922_640

  • 2 xícaras de chá de batata-doce em cubos
  • 1 e ½ dente de alho amassado
  • 1 cebola pequena ralada
  • 1 abobrinha picada em cubos
  • 3 xícaras de chá de lentilha cozida
  • 1 xícara de chá de salsa picada
  • 1 xícara de chá de agrião picado
  • 1 colher de chá de castanha-do-pará picada
  • Água fervente
  • 1 colher de sopa de azeite extra virgem
  • Sal e cúrcuma a gosto

 Aqueça o azeite em uma panela funda. Refogue o alho, a cebola, a abobrinha e a batata-doce. Acrescente a água fervente até cobrir todo os legumes. Cozinhe até ficar al dente. Retire do fogo e deixe amornar. Bata no liquidificador. Coloque a mistura de volta na panela, junte a salsa, a lentilha, sal e cúrcuma, deixe aquecer. Acrescente o agrião e polvilhe com a castanha e sirva.

2 Sopa de Mandioca e Brócolis vegetable-753291_640

  • 4 pedaços médios de mandioca
  • 1 brócolis americano pequeno, separado em buquês
  • 1 colher de sopa de azeite
  • 1 e ½ dente de alho amassado
  • 1 cebola pequena ralada
  • 2 colheres de sopa de salsa picada
  • Água fervente
  • 1 xícara de chá de tofu em cubos (pode ser um queijo magro)
  • Sal, pimenta rosa, linhaça triturada e gergelim preto a gosto

Aqueça um pouco do azeite em uma panela funda. Refogue o alho, a cebola, o brócolis, a mandioca e a salsa. Acrescente a água fervente até cobrir todos os ingredientes. Cozinhe até ficar al dente. Retire do fogo e deixe amornar. Bata no liquidificador. Coloque a mistura de volta na panela, adicione o sal e aqueça. Em uma frigideira aqueça o restante do azeite e grelhe o tofu. Sirva a sopa com o tofu e polvilhe com pimenta, linhaça e gergelim.

3 Sopa de Couve, Abóbora e Grão-de-bicochickpea-390706_640

  • 1 xícara de chá de couve-manteiga em tiras finas
  • 3 xícaras de chá de abóbora em cubos
  • 3 xícaras de chá de chuchu em cubos
  • 1 e ½ dente de alho amassado
  • 1 colher de sopa de azeite
  • 1 cebola roxa de tamanho pequeno ralada
  • 3 xícaras de chá de grão-de-bico cozido
  • 1 colher de café de semente de chia triturada
  • 1 colher de chá de amêndoas em lascas (opcional)
  • Água fervente
  • 1 colher de sopa de ervas finas (alecrim, tomilho, sálvia, manjericão)
  • Sal, pimenta-do-reino e noz-moscada a gosto

Aqueça o azeite em uma panela funda e refogue o alho, a cebola, a abóbora, as ervas e o chuchu. Junte a água fervente até que cubra todos os legumes, deixe cozinha até ficar al dente (não deixe os legumes ficarem mole demais). Retire do fogo e deixe amornar. Bata no liquidificador. Volte a mistura à panela e acrescente o grão-de-bico, pimenta, sal e noz-moscada. Aqueça um pouco. Sirva acrescentando a couve, semente de chia e amêndoa.

4 Sopa de Inhame com Espinafre

 leek-791805_640

  • 5 inhames médios
  • 1 xícara de chá de espinafre picadinho
  • 1 cebola média picada
  • 2 dentes de alho
  • 2 colheres de sopa de linhaça dourada
  • 1 colher de café de cubinhos de gengibre
  • 1 colher de café de sal
  • 1 colher de chá de tomilho e alecrim triturados
  • 200 ml água

Refogue a cebola e o alho em uma panela antiaderente. Acrescente a água, o inhame (sem a casca) e o gengibre. Deixe cozinhar até inhame ficar bem macio. Amasse o inhame na própria água de cozimento, com auxílio de um garfo ou espremedor de batatas. Acrescente o espinafre, acerte o sal e ferva por mais 2 minutos, até as folhas amolecerem. Coloque a  linhaça e sirva.

5 Sopa Verde Detox

brussels-sprouts-22009_640

  • 50g de repolho verde picado
  • 2 folhas de couve-manteiga em tiras finas
  • ½ xícara de chá de salsinha picada
  • 1 colher de sopa de gengibre ralado
  • 100g de brócolis ninja em buquês
  • 1 colher de sopa de óleo de coco
  • 2 talos de salsão
  • 100g de couve-flor
  • 1 chuchu em cubinhos
  • 2 dentes de alho
  • 1 cebola pequena ralada
  • Sal e pimenta-do-reino a gosto
  • Água fervente

Refogue em uma panela funda o alho, a cebola, o gengibre e o salsão no óleo de coco. Junte o repolho, a salsinha, a couve, o brócolis, a couve-flor e o chuchu e cubra com a água fervente. Cozinhe até ficar al dente (não deixe os legumes ficarem mole demais). Retire do fogo e deixe esfriar um pouco. Bata no liquidificador. Coloque a mistura novamente na panela, acrescente o sal e a pimenta-do-reino e leve ao fogo para esquentar. Sirva.

Chocolate Quente + Bolo de Milharina

20140224_154142 Loris
Foto reprodução Blog da Loris

É inverno, oficialmente. E é nesse período que aquela vontade de comer e beliscar coisinhas durante o dia inteiro aumenta. Mas, a gente sabe que manter o equilíbrio é essencial. Então, vale mais apostar em refeições que sustentem do que comer de pouquinho. Por isso, essas duas receitas são excelentes para fazer seu lanche da tarde ou café da manhã especial.

Nada melhor para aquecer o corpinho do que uma bebida quente, não é?! E o que combina mais com essa estação?! Chocolate! E esse quentinho é super do bem e também é indicado para quem tem intolerância à lactose, pois pode ser feito com leite vegetal. Vamos aprender?

Chocolate Quente Fit

coffee-277792_640

Receita original de Natue
Rende 2 porções

  • 1 xícara (chá) de leite de coco
  • 1 xícara (chá) de leite de amêndoas (ou desnatado ou de soja ou qual você preferir)
  • 2 colheres (sopa) de cacau em pó
  • 2 colheres (chá) de açúcar mascavo (ou demerara ou adoçante ou de coco)
  • ½ colher (café) de extrato de baunilha (opcional)

Aqueça os leites até começar a borbulhar. Transfira para o liquidificador e bata com o restante dos ingredientes em potência máxima para fazer espuma. Sirva em canecas e, se quiser, jogue nibs de cacau, ou raspas de chocolate, por cima.

Huuuummmm…

0010602244T-849x565

E para acompanhar esse chocolate quentinho e completar o combo do lanche, o ‘comes’, bolo de milharina! Essa receita é da maravilhosa Loris, do Blog da Loris, e a calda é uma alquimia da dieta Dukan, pois a sugerida pela Loris leva whey, – e por ser um ingrediente muito específico, preferimos uma opção mais comum e democrática. Mas, fica a sua escolha colocar ou não a calda.

Bolo de Milharina

bolo Loris
Foto reprodução Blog da Loris
  • 1 ovo inteiro (clara e gema)
  • 2 claras
  • 1 xícara de farelo de aveia
  • 1 xícara de milharina
  • Sucralose, agave ou adoçante de forno e fogão para adoçar (a gosto)
  • 1 colher de sopa de  essência de baunilha (opcional)
  • 1 xícara de chá de água quente
  • 1 colher de chá de fermento em pó

Misture todos os ingredientes numa tigela de vidro ou plástico, que seja próprio para micro-ondas, até obter uma massa homogênea. Leve ao micro-ondas, em potência alta, por 6 minutos. Ainda quente, desenforme, coloque a calda ainda quentinha e polvilhe com um pouquinho de cacau.

Fonte: Blog da Loris

Calda de Cacau Dukan

0005725602I-849x565

  • 100 ml de leite (líquido) desnatado
  • 1 a 1 ½ colher (sopa) de cacau em pó sem açúcar
  • 1 colher (sopa) de amido de milho
  • 1 colher (sobremesa) de adoçante (ou a gosto)

Em uma panela, aqueça o leite. Em seguida, acrescente o cacau em pó, o adoçante e mexa bem. Antes da mistura começar a ferver, acrescente o amido de milho e mexa rapidamente por 2 minutos ou até obter uma calda cremosa. Jogue-a por cima da massa do bolo assado.

Chegou o inverno!

SejabemVindoInverno

Tempos de se aquecer, ficar juntinho e cuidar para passar ileso das malezas temporais!

A gente só deseja que o seu coração se mantenha sempre aquecido e que seja uma estação de união, harmonia e transformação.

Por aqui vai pipocar receitinhas bem gostosas e típicas da estação para lhe preencher de bem-estar e aconchego.

Para esquentar e desinchar: Chá da casca do Abacaxi

Um chazinho no meio da manhã ou mesma das tardes mais frias sempre cai bem, não é verdade? E ao contrário do café, o chá relaxa e não tira o sono.  Quer dizer, depende da preparação e das combinações. Esse chá com a casca de abacaxi, por exemplo, é termogênico, diurético, acelera o metabolismo e auxilia na perda de peso.

Agora, o melhor é poder unir o útil ao agradável, juntando o prazer de um chá quentinho aos benefícios para o emagrecimento. Além de ser uma forma prática, e rápida, de consumir os nutrientes da fruta sem complicações.

919243_407423902698349_1363788106_o

Com essa receita você também evita o desperdício, só deixando de aproveitar, mesmo, a coroa. Assim, pode deixar a fruta cortadinha para comer quando estiver com mais tempo e ter o chá da casca para tomar em qualquer momento. Vamos à receita?

Chá da casca do Abacaxi com Canela

  • Casca de um abacaxi
  • 1 litro de água
  • 6 folhas de hortelã (opcional)
  • 1 canela em pau
  • Adoçante a gosto

Antes de cortar, lave bem a casca do abacaxi. Leve-as em uma panela ao fogo com a água e a canela e deixe ferver por aproximadamente dez minutos. Em seguida, desligue o fogo e acrescente as folhas de hortelã para dar sabor. Tampe e deixe por mais cinco minutos, descansando. Depois disso, basta coar, adoçar e consumir. Caso não use a hortelã, apenas coe e sirva em seguida.

pineapple-636562_640

Por ser combinado com a canela e ter efeitos de aceleração do metabolismo, recomenda-se que não se beba esse chá após às 18h, para evitar que ocorra insônia ou distúrbios no sono. Ele também não é indicado para pessoas hipertensas, grávidas e mulheres em fase de amamentação.

Outra recomendação é consumi-lo, no máximo, três vezes ao dia. Para manter o sabor, além de acondicionar o chá em garrafa térmica, separei três rodelas pequenas de abacaxi e fervi junto com os outros ingredientes. Depois, coloquei essas mesmas rodelas na garrafa térmica, junto com o chá pronto e coado.

A precisão de adoçar depende muito do tipo e condição do abacaxi, por isso prove antes. Fiz essa receita com o abacaxi do tipo pérola e estava bem docinho, então não senti necessidade de adoçar com nada.

Fica uma delícia, ajuda na digestão e parece dar uma sensação de satisfação. Muito gostoso! Faça, que você não vai se arrepender!