Tag: detox

Suco com chá dá samba, ou melhor, SUCHÁ!

Já pensou em misturar a refrescância do suco com as propriedades do chá numa única bebida cheia de benefícios e nutrientes? Pois essa alquimia já existe e com o nome chipado: Suchá! É uma opção que foge do óbvio e não deixa a dever para as bebidas turbinadas como o suco verde e smoothies.

Não tem muito segredo. O suchá é o fruto da combinação de chás e sucos com componentes complementares, que resultam em uma bebida harmoniosa e rica para a manutenção da saúde e bem-estar.

Ele vem fazendo sucesso e conquistando cada vez mais adeptos. O sucesso se dá pela facilidade e, principalmente, por proporcionar a ingestão e a absorção dos benefícios de fontes com sabor pouco atrativo, como os amargos chá verde e cavalinha, por exemplo.

Infusões de paladar mais marcante e ingestão com restrições, como a canela, também ganham um casamento harmonioso, como o suco de maçã, originando um suchá agradável, com notas de sabor e aroma na medida certa.

Gostou? Quer aprender a fazer? Sugerimos cinco opções de suchá fáceis e simples para você experimentar e, quem sabe, também aderir a esse novo movimento saudável.

1. Suchá de hortelã, erva-doce e abacaxi

Ingredientes:

  • 8 folhas de hortelã (grande)
  • 1 colher de café de erva-doce
  • 1 fatia de abacaxi
  • Açúcar a gosto
  • Gelo a gosto

Modo de preparo: fazer a infusão com as folhas de hortelã e erva-doce, coar e reservar; liquidificar o chá com o abacaxi e coar; antes de servir, adoçar a gosto e adicionar gelo se preferir.

2. Suchá de erva cidreira, gengibre e limão

Ingredientes:

  • 5 folhas de erva cidreira
  • 1 colher de café de gengibre ralado
  • Suco de ½ limão
  • Açúcar a gosto
  • Gelo a gosto

Modo de preparo: fazer a infusão com a erva cidreira, coar e reservar; liquidificar o gengibre, o chá e o suco de limão e, depois, coar e adoçar a gosto antes de servir.

3. Suchá para Emagrecer e Eliminar Retenção Líquida

Ingredientes:

  • 250 ml de chá de hibisco
  • 5 morangos lavados e sem a folha
  • ½ xícara (chá) de mirtilos (blueberry) lavados
  • 1 folha de couve

Modo de preparo: primeiramente ferva um copo de água (150 ml) e acrescente o chá de hibisco. Deixe descansando depois de fervido tampado até que ele fique frio. Após isso, bata no liquidificador os morangos e os mirtilos e aos poucos acrescente o chá. Para finalizar, bata a couve juntamente com os outros ingredientes por cerca de 40 segundos. Beba sem coar e se desejar acrescente gelo e adoçante.

4. Suchá Detox

Ingredientes:

  • 2 colheres (sopa) de chá verde (erva)
  • 260 ml de água
  • 1 xícara (chá) de água fervente
  • 1 fatia de abacaxi
  • Hortelã a gosto

Modo de preparo: Faça primeiro o chá verde. Ferva 260 ml de água. Desligue o fogo, coloque as duas colheres (chá) verde e tampe a panela. Deixe esfriar por aproximadamente 15 minutos. Bata no liquidificador com o abacaxi e a hortelã e sirva.

5. Suchá de Hibisco com Capim Limão e Suco de Limão

Ingredientes:

  • Chá de Hibisco:
    • 500ml de água
    • 2 colheres (sopa) de chá de hibisco
  • 1 limão Tahiti (suco)
  • 3 colheres (sopa) de capim limão picado

Modo de preparo: Prepare o chá: leve a água para ferver. Quando ferver, desligue o fogo e coloque o chá de hibisco. Deixe tampado de 3 a 5 minutos (Quanto mais tempo a mistura permanecer fechada, o chá ficará mais forte. Esse processo chama-se infusão). Passe o chá por uma peneira e junte o suco de limão. Coloque a mistura de chá e suco de limão em um copo de liquidificador e adicione o capim limão. Bata no liquidificador por 5 minutos. Passe pela peneira novamente e coloque em uma jarra. Coloque gelo e adoce a gosto. *Para variar, susbtitua o chá de hibisco por chá de jasmim.

Fontes:
Suchá 1 e 2, Albert Einstein
Suchá 3, Seu Corpo Perfeito
Suchá 4, Comida e Receitas
Suchá 5, Dedo de Moça

Detox na vida – Porque a saúde não mora só no corpo

Título e texto originais de RUTH MANUS:

“Passou o natal, passou o ano novo, passou o carnaval. The game is over e a vida real pede passagem. É nessa hora que a febre detox-vida-nova-entrar-nos-eixos vem com força ainda maior- se é que isso é possível.

Detox vem da ideia de desintoxicar, tirar do corpo tudo o que não lhe faz bem. Louvável, sem dúvida nenhuma. Mas o problema começa quando as pessoas resolvem achar que duas garrafas de suco verde são a milagrosa solução para melhorar suas vidas.

2015 tá aqui na nossa frente e de nada vai adiantar desintoxicar o corpo, se a vida e a alma estão povoadas de hábitos, pessoas, dias e caminhos tóxicos. Parasitas, comodismos, vícios, medos.

Gente tóxica é o que mais tem. Gente cinza, amarga, invejosa, gente que gosta de problema, que gosta de doença, que gosta de discórdia, gente que vive de aparência, gente rasa. E não tem jeito, temos que fugir mesmo, cortar, evitar ao máximo. Bom dia, boa tarde e até logo. Não nos deixemos contaminar.

Não adianta comer chia toda manhã se a gente odeia o emprego e já sai de casa com vontade de voltar. Não dá para achar que o corpo vai estar puro se você não acredita no que faz e passa mais de 40 horas da semana ruminando tarefas infelizes.

Não adianta beber 3 litros de água por dia quando se está num relacionamento que afundou. É cômodo, todos sabemos. Mas a vida é uma só e não dá para ver os dias, meses e anos passarem com migalhas de amor e sem vestígios de paixão.

girls-407685_640

Não adianta colocar linhaça nas receitas quando só se reclama da vida, dos outros, do país, do calor, da chuva, do trânsito. É um círculo vicioso, quanto mais a gente fala das coisas ruins, menos atenção a gente dá às coisas boas e a vida vai ficando ruim, ruim, ruim.

É ilusão achar que a mudança vem de fora para dentro. Que a felicidade e a saúde cabem em embalagens plásticas com códigos de barra. Produtos podem ser ótimos coadjuvantes nessa busca, mas a verdadeira mudança é só o protagonista quem faz.

E eu quero um 2015 detox.

Detox de dias iguais.
Detox de gente ruim.
Detox de maus hábitos.
Detox de inveja.
Detox de relações doentes.
Detox de obsessões.
Detox de pessimistas.
Detox de medo de mudar.
Detox de dias desperdiçados.
Detox de sentimentos pobres.
Detox de superficialidade.
Detox de vícios.
Detox de viver por viver.

E pra fazer detox na vida é preciso coragem. Coragem para mudar, para arriscar, para romper, para fechar ciclos que há muito tempo deveriam ter terminado. O ano oficialmente começou e a pergunta é: vai ter só suco verde ou vai ter detox na vida?”

Detox e super benéfico: o almeirão é o novo alface

É carnaval!

Está pensando numa refeição leve e fresca para amenizar o calor senegalês desse verão? Uma salada de almeirão pode ser a solução!

O almeirão é uma verdura da família da chicória, de formato alongado, de folhas lisas e de paladar amargo. Mas, calma! Para quem acha que de amargo já basta a vida, é possível retirar esse sabor e a deixar a folha com um gosto neutro, como a alface.

O almeirão é a nova alface!

Além de render uma salada crocante e gostosa, essa verdura tem muitas propriedades benéficas ao nosso corpo e exerce funções desintoxicantes (uma ótima para ajudar a varrer os exageros do carnaval). Ela possui vitaminas A e E, ferro, cálcio e ácido fólico, sem contar as fibras, importantes para o bom funcionamento do organismo.

Como desintoxicante, o almeirão atua no combate ao colesterol ruim e no tratamento do fígado, baço e vesícula biliar, auxiliando na remoção da gordura e substâncias do álcool.

Ele pode ser consumido como salada crua ou como acompanhamento de grãos refogados (feijão, lentilha, grão de bico) e assados.

almeirao

Uma boa forma de apresentação é cortar as folhas em tiras finas, como se faz com a couve manteiga. Para retirar o sabor amargo, basta deixar as tiras de molho em água por cerca de 5 minutos e escorrer. Já estará pronto para servir.

Duas grandes vantagens do almeirão são a durabilidade e o custo-benefício. Um maço custa em torno de R$ 0,50 e R$ 1,00! E dura muito na geladeira, entre 15 e 20 dias, dependendo da refrigeração.

juice-344435_640

Ele também pode ser usado como base para um excelente suco verde, sendo batido com o suco de duas laranjas e uma colherinha de café de gengibre (in natura ralado ou em pó).