Tag: ingredientes

Compare cebolinha, alho-poró e salsa

Conteúdo original Saúde Abril

O trio guarda semelhanças que vão além do visual e da utilidade na cozinha. “Esses alimentos possuem magnésio e potássio, importantes para a saúde do coração“, diz a nutricionista Marina Pioltine, da capital paulista. Mas não vá considerá-los grandes fontes dessas substâncias. “Isso porque tendem a ser utilizados como temperos“, nota a profissional. Ora, é difícil comer 50 gramas desses ingredientes de uma só vez – quantidade que poderia ofertar doses interessantes de nutrientes.

De qualquer forma, Marina acredita que o consumo de salsa, cebolinha e alho-poró precisa ser incentivado entre os brasileiros. “Todas as necessidades nutricionais são atingidas quando se tem uma alimentação variada”, ensina. E ressalta que o trio deveria visitar especialmente a mesa de quem tem hipertensão ou se preocupa com ela. “Falamos de temperos que são bons substitutos do sal“, garante. Ou seja, enriquecem o paladar sem cobrar um preço à saúde.

Energia

Cebolinha – 10 cal
Alho-poró – 16 cal
Salsa – 16,5 cal

Carboidratos

Cebolinha – 1,7 g
Salsa – 2,8 g
Alho-poró – 3,4 g

Fibras

Cebolinha – 1,8 g
Alho-poró – 1,2 g
Salsa – 0,9 g

Magnésio

Cebolinha – 12,5 mg
Salsa – 10,5 mg
Alho-poró – 5,5 mg

Potássio

Salsa – 355 mg
Alho-poró – 112 mg
Cebolinha – 103 mg

Vitamina C

Salsa – 25,8 mg
Cebolinha – 15,9 mg
Alho-poró – 7 mg

(Os valores se referem a 50 gramas do alimento)

Placar Saúde

Cebolinha 4 x Alho-poró 0 x Salsa 2


Fonte: tabela brasileira de composição de alimentos (TACO/UNICAMP)

Sabe substituir ingredientes em bolos?!

A Pati do blog Fru-Fruta, explica:

“Para prepararmos  com mais segurança receitas que utilizam ingredientes diferentes da tradicional mistura de farinha de trigo, leite, açúcar, manteiga e ovos, temos que começar desconstruindo alguns conceitos.

Para isso, vamos entender qual o papel de cada ingrediente nas receitas tradicionais de bolo?

Farinha de trigo:

Graças à sua proteína, o glúten, essa é a opção perfeita para suportar a expansão causada pela fermentação e gerar a estrutura para o bolo. Diferentemente de um pão, a massa de bolo não deve ser sovada ou muito trabalhada. O glúten ajuda a dar estrutura, mas para a confecção de bolos não é necessária uma rede muito forte para suportar a expansão da massa. Por esse motivo que geralmente adiciona-se o trigo no fim do processo.

Açúcar:

Além do deixar doce (dã), o açúcar também contribui para a expansão da massa e ajuda a manter sua umidade por meio das ligações entre as moléculas de água e de sacarose, deixando o bolo mais… úmido, ué.  Sem açúcar, o bolo fica mais denso e seco.

Ovos:

Os ovos são tipo faz-tudo: eles têm diversas funções no bolo.
Ajudam a dar estrutura, aeração, ajuda a dar liga e são emulsificantes, contribuindo para que os ingredientes se misturem. Quando o bolo vai pro forno, a proteína do ovo coagula com o calor e dá firmeza e textura. Além disso, eles também conferem aeração à massa, deixando o bolo mais leve e fofo.

Leite:

Além de umedecer a massa, o leite também influencia na textura pois apresenta proteínas, podendo interferir na estrutura formada pela massa.

Manteiga:

Auxilia na maciez pois impede que a rede de glúten se forme. A gordura envolve as proteínas da farinha, impedindo que elas se liguem entre si. Além disso, dá sabor à massa.

Substituindo a farinha de trigo branca:

Para trocar por farinha integral, é interessante manter uma pequena porção da farinha refinada para que o resultado final seja de um bolo macio, como eu fiz no bolo de natal. Uma proporção de 60% farinha integral e 40% refinada é interessante, mas é possível reduzir ainda mais a quantidade da segunda.

Para substituir o glúten da farinha de trigo é necessário utilizar ingredientes que façam seus diversos papéis. Geralmente, utiliza-se uma mistura de farinha de arroz, fécula, polvilho e alguma farinha de liga. Também é comum adicionar Goma Xantana ou CMC, que servem para dar mais maciez e elasticidade. No fim do post tem algumas sugestões de mix de farinha. Teste em casa e eleja a sua favorita!

Substituindo:

Os ovos:

Como eles são multi-função, o ideal é tentar entender quais papéis o ovo desempenha em cada receita. Em um bolo sem farinha, por exemplo, o ovo que dá estrutura, liga, umidade e expande…. é quase um omelete alto e doce, na verdade. Banana amassada, as farinhas de liga, vinagre, pasta de amendoim… vários ingredientes podem substituir os ovos em certos aspectos. Dá uma olhada nessa tabela que roda a internet:

A questão aqui é que esses ingredientes não substituem 100% o papel dos ovos em todas as receitas. Meus comentários sobre cada substituto citado acima (de acordo com minha experiência, pode ser que eu esteja errada!) são:

Gel de Linhaça: ajuda a dar liga e adiciona fibras ao bolo;

Gel de Chia: como o de linhaça, ajuda a dar liga e adiciona fibras.. mas deixa com a textura das sementinhas;

Proteína de soja e Ágar-ágar: nunca usei!

Banana Amassada: ajuda a dar liga e umidade, mas deixa sabor residual;

Purê de maçã: ajuda a dar umidade, deixa pouco sabor residual;

Pasta de Amendoim: ajuda com a liga e com a umidade, por ser bem oleosa. Pode reduzir a quantidade de gordura do resto da receita se utilizar essa opção. Ela deixa bastante sabor residual.

Aquafaba: não está nessa lista, mas a espuma feita com a água do cozimento do grão de bico pode ajudar a dar volume e arear. Mas ela não tem tanta estrutura quanto as claras em neve quando levada ao forno.

Substituindo o Açúcar:

Demerara, mascavo, adoçantes… Esse será o próximo assunto da nossa serie. Para o bolo, é bom lembrar que o açúcar ajuda a dar estrutura, leveza e umidade.

Substituindo o Leite:

Pode ser substituido pelos leites vegetais mais “ralos” como o de amêndoas ou soja. Para usar leite de coco industrializado ou de castanha de caju, é só diluir um pouco em água, deixando com uma consistência parecida com a de leite de vaca. Dependendo da receita, também é possível substituir por água, como nos meus bolinhos de caneca de chocolate e de fubá.

Substituindo a Manteiga:

Óleos de cozinha dão um bom resultado em bolos, deixando-os bem fofinhos, mas não são exatamente super saudáveis. O óleo de coco pode ser uma boa opção para substituir gorduras que solidificam em temperatura mais baixas, como a manteiga. Para quem não for vegano, também dá pra usar ghee. Dica extra: azeite de oliva fica uma delícia em bolos de chocolate!

Tamanho da forma:

A forma ou assadeira utilizada pode influenciar muito no sucesso final do seu bolo. Formas com furo no meio, por exemplo, ajudam a distribuir o calor para o centro do bolo, o que pode ser essencial para que um bolo sem glúten (como o de cenoura com chocolate) asse por completo. Como os bolos sem glúten não têm tanta estrutura, pode ser impossível multiplicar uma receita por 2 e usar uma forma maior. O bolo acabará não tendo estrutura, não assará por dentro e virará… uma nhaca! Se quiser fazer alguma receita sem glúten em grande quantidade, minha sugestão é utilizar formas de muffin (cupcake). Fica bem mais fácil pra massa conseguir estrutura em formatos menores.

Outros ingredientes não-convencionais:

Goma Xantana ou CMC:

Ajuda a dar elasticidade e maciez, mas fica com uma textura meio de goma, como o próprio nome diz. Fica gostoso se bem utilizado, e pode ajudar a reduzir a quantidade de gordura da receita.

Vinagre de maçã ou arroz:

Ajuda na fermentação, crescimento, maciez e durabilidade. Eu costumo utilizar esse ingrediente nas minhas receitas de bolo, como no muffin de duplo chocolate e o bolo guirlanda.

Outras farinhas:

Adicionar aveia, farinha de coco, de amêndoas, de quinoa ou outras farinhas nutrivas, mesmo que em pequena quantidade, pode diminuir o índice glicêmico e tornar seu bolo funcional.

Mix de Farinha Sem Glúten

Essas opções são um “garimpo” que fiz pela internet, além de algumas opções que eu já testei.”

Mistura Basicona

Finalidade: pão branco, cupcakes e bolos

  • 1 xícara de farinha de arroz branco
  • 1/4 xícara de polvilho doce
  • 1/4 xícara de fécula de batata
  • Misturas de farinha por Marcelo Fachini

#1

Finalidade: pão branco, cupcakes e bolos

  • 1 3⁄4 xicaras de chá de farinha de arroz branco
  • 2 xícaras de chá de fécula de batata
  • 1 1⁄2 xícaras de chá de polvilho doce
  • 2 colheres de sopa de goma xantana

#2

Finalidade: pão meio integral, cupcakes e bolos

  • 1 1⁄2 xícara de chá de farinha de arroz integral
  • 3⁄4 de xicara de chá de fécula de batata
  • 1 xícara de chá de polvilho doce
  • 1 1⁄2 colheres de sopa de goma guar (ou xantana)

#3

Finalidade: pães, tortas, focaccia, pizzas, etc.

  • 1 xícara de chá de farinha de sorgo
  • 1 xicara de chá de farinha de painço
  • 1 1⁄2 xícaras de chá de farinha de arroz branca
  • 1 1⁄2 xícaras de chá de fécula de batata
  • 2 colheres de sopa de goma xantana

#4

(lowcarb – baixo carboidrato)

Finalidade: pães, tortas, pizzas, etc.

  • 1 xícara de chá de farinha de sorgo
  • 1 xícara de chá de farinha de teff
  • 1 1⁄2 xícara de chá de farinha de painço
  • 1 1⁄2 xícaras de chá de polvilho doce
  • 1 colher de sopa de goma guar
  • 1 colher de sopa de goma xantana

Salada, salada e mais salada, sem sofrimento

Conteúdo original de M de Mulher

Puxa, mas alface de novo?” Que atire a primeira pedra quem nunca se cansou de comer a mesma salada chata e sem graça todos os dias! Apesar de legumes, folhas e vegetais serem muito importantes para manter uma alimentação saudável, existem momentos que você tem vontade de desistir e pedir um belo X-Tudo – muito mais saboroso, vamos combinar. O segredo para fazer a salada perfeita é não ter medo de desbravar novos ingredientes e combinações!

1. Com apenas três ingredientes

  • 1 maço de agrião
  • 2 figos
  • 200 g de presunto cru
  • um punhadinho de nozes

Para o molho

  • 1/2 xícara de azeite
  • 1/2 xícara de vinagre balsâmico
  • 1/2 xícara de geleia de morango (de preferência uma não muito doce)

Pique os figos em fatias. Distribua em pratos as folhas lavadas de agrião (se quiser pode usar outras folhas junto, como alface). Cubra com o figo e fatias de presunto cru.

Para o molho: misture muito bem tudo. A quantidade indicada vai dar pra mais que essa salada, é só lembrar que a proporção é de 1/3 de cada ingrediente. Você pode colocar tudo numa garrafinha de vidro com tampa e chacoalhar até que esteja bem misturado. Guarde essa garrafa na geladeira com o molho por até duas semanas e use nas saladas do dia a dia. Quem quiser pode colocar sal na mistura também. Regue com molho e nozes destroçadas com a mão. Sirva a seguir.

2. Com batata doce

  • 2 batatas-doce orgânicas com a casca e cortada em cubos
  • Sal
  • 1 col. (chá) pimenta dedo-de-moça
  • 1 col. (sopa) de azeite extravirgem
  • Suco de 1 laranja
  • 2 col. (sopa) de cebolinha picada
  • 2 col. (sopa) de salsa

Cozinhe a batata-doce com um pouco de sal até ficar macia. Escorra e tempere ainda quente com sal, pimenta dedo-de-moça picadinha, azeite extravirgem, suco de laranja coado, cebolinha picada e salsa.

3. Vinagretes diferentes

Para a salada
  • Alface americana picada grosseiramente
  • Folhas de espinafre baby
  • Repolho roxo picado finamente
  • ½ manga cortada em julienne (fatias finas)
  • folhas de coentro (opcional, pode substituir por salsinha)
Para o vinagrete
  • 2 colheres (sopa) suco de laranja
  • 4 colheres (sopa) azeite
  • sal e pimenta a gosto
Modo de Preparo
Para o Vinagrete
  1. Misture o suco da laranja, o azeite e misture bem com o auxílio de um garfo.
  2. Tempere com sal e pimenta a gosto. Reserve.
Para a salada
  1. Lave, higienize e pique os ingredientes.
  2. Disponha os ingrediente em uma travessa, misture bem.
  3. Regue com o vinagrete e misture até temperar bem. *Se preferir servir o vinagrete separado

4. Com macarrão

  • 6 cebolas roxas, cortadas em gomos finos
  • 1/2 xícara de azeite
  • 4 colheres (sopa) de vinagre balsâmico
  • Sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto
  • 5 litros de água fervente
  • 1 kg de massa curta do tipo penne
  • 250 g de queijo gorgonzola esmigalhado
  • 1/2 xícara de amêndoa com pele, tostada
  • 6 colheres (sopa) de salsinha picada

1. Em uma frigideira, leve ao fogo a cebola, 6 colheres (sopa) de azeite, o vinagre, sal e pimenta e refogue de 10 a 15 minutos ou até a cebola começar a dourar. Reserve.

2. Em uma panela grande com a água fervente e sal, cozinhe a massa até ficar al dente. Escorra e volte à panela.

3. Junte a cebola, o queijo, a amêndoa e a salsinha (reserve um pouco para decorar). Sirva em temperatura ambiente, decorada com a salsinha reservada e regada com o azeite restante.

5. Duo de cores + castanhas = sucesso

Beterrabas, assim como todo legume, absorvem melhor os sabores se você tempera-las ainda quentes. Por isso o ideal é despejar o molho sobre os cubos de beterrabas quentes, deixar esfriar e só então juntar os outros ingredientes. O sal com salsão, ou qualquer outro sal com ervas, deixa essa salada ainda mais saborosa. Pra quem não sabe como cozinhar beterraba: coloque as beterrabas inteiras e com casca em uma panela de pressão, cubra com água e cozinhe entre 20-40 minutos (a partir do momento em que a panela pegar pressão), dependendo do tamanho das suas beterrabas.

  • 2 beterrabas médias cozidas, descascadas e cortadas em cubos pequenos
  • 1/2x de nozes
  • 1 punhado generoso de salsinha, picada

Molho:

  • 3cs de azeite
  • 2cs de vinagre balsâmico
  • 1cc de mostarda de Dijon (opcional)
  • 1/2 dente de alho, ralado
  • 1cs de chalota* ou 1/2cs de cebola roxa, picadinha
  • Sal com salsão (receita aqui) ou sal marinho
  • Pimenta do reino

Misture o azeite, vinagre, mostarda de Dijon, alho e chalota (ou cebola roxa) e despeje sobre os cubos de beterraba quentes (leia explicações acima). Tempere com sal de salsão (ou outro) e pimenta do reino a gosto.

Enquanto a beterraba esfria, toste as nozes a seco em uma frigideira grande. Sacuda a frigideira algumas vezes pras nozes tostar dos dois lados. Quando as nozes estiverem bem douradas e perfumadas, retire do fogo, deixe esfriar um pouco e pique grosseiramente.  Junte as nozes e a salsinha à beterraba e misture bem. Prove e corrija o tempero. Sirva em temperatura ambiente. Rende 4 porções como acompanhamento.

*Chalota é um tipo de cebola mais suave e menor do que cebolas comuns. A casca é dourada, mas o interior é lilás, elas são alongadas e geralmente têm dois gomos. Gosto muito de chalotas, pois elas têm um sabor mais delicado mesmo quando consumidas cruas. Se usar cebola roxa, que é mais intensa, use só 1/2cs.

Para começar bem a semana: Suco energizante

Quer começar a semana cheio de energia e pronto para encarara qualquer desafio?! Nada melhor do que entrar como pé direito, com o corpo bem alimentado e reenergizado. Para isso, sugerimos um suco com ingredientes simples e fácil de preparar, que pode lhe proporcionar disposição e mais saúde.

green-456839_640

A receita é indicação é da nutricionista Maria Tereza Cazulli e deve ser tomado logo ao acordar, antes do café da manhã, para se obter os efeitos desejados. Além da revitalizar com energia, o suco funciona como um detergente dentro no organismo, eliminando as toxinas.

Para facilitar, você pode se organizar e deixar tudo separadinho na geladeira e ao acordar é só colocar no liquidificador e beber. Enquanto vai sendo digerido, vá se arrumando para o trabalho, ou seguindo sua rotina normal, e tome seu café da manhã. Assim, o preparo leva menos de cinco minutinhos e não atrapalha sua vida, muito pelo contrário!

Suco energizante

smoothie-943097_640

  • 1 folha de couve
  • 1 maça pequena
  • 1 pedaço pequeno de gengibre
  • suco de 1/2 limão Taiti
  • 1 colher de chá de linhaça
  • 1 colher de chá de farelo de aveia
  • 1 colher de chá de Chia
  • folhas de hortelã a gosto
  • Se desejar açúcar, use 1 colher de chá
  • 1 copo de água

Bata tudo no liquidificador até ter uma mistura homogênea. Se sentir necessidade, coe. Sirva em seguida.

Receita: Pão de queijo com 3 Ingredientes

Quem não gosta de praticidade?! Ainda mais quando o assunto é comida, não é? Pensar em algo bem delicioso para satisfazer a fome (que é eterna, pelo menos a minha, alguém se identifica?) e que fica pronto rápido, com poucos ingredientes e de forma prática é um sonho realizado. E sendo essa delícia um pãozinho de queijo, vamos combinar, só agrega valor! Então, se acomode no camarote e aprenda a preparar essa maravilha.

Essa receita não tem nada de light, nem diet, muito menos fit. A gente deve se permitir de vez em quando e pão de queijo, quando bem feito, é aquele tipo de iguaria que faz valer cada caloria, pneu e celulite. Portanto, desencana e deixa acontecer!

Quando procuro receitas para compartilhar aqui, sempre busco por ingredientes fáceis de encontrar, simples, baratos e por modos de fazer que sejam acessíveis a todos. Da dona de casa atribulada e experiente na cozinha ao solteiro que não sabe fritar ovo. E essa me chamou atenção justamente pela simplicidade, não vai ovo, usa pouquíssimas coisas e não exige quase nada de você.

É uma excelente opção para o lanchinho da tarde ou café da manhã, acompanhado de um cafezinho preto… Huuuum…. Confere o que precisa e como prepara, que ainda dá pra fazer pra hoje!

Pão de queijo com 3 Ingredientes

Receita de Tudo Gostoso
Rende 25 unidades

  • 1 caixinha de creme de leite (200 ml)
  • 1 copo (do tipo requeijão) de queijo ralado (pode misturar parmesão e muçarela ralada)
  • 1 copo (requeijão) de polvilho (doce ou azedo, ou pode misturar os dois)

1. Amasse até soltar das mãos (caso precise um pouquinho a mais de polvilho, coloque aos poucos até que chegue ao ponto de enrolar);


2. Faça bolinhas, coloque em forma untada e asse em forno pré-aquecido bem quente;
3. Se achar necessário, acrescente sal;
4. Asse até ficarem douradinhos levemente, mais ou menos 40 minutos.

Simples assim! Fácil, né, gente!? Bora pra cozinha, chama as crianças, e vamos todos ser felizes nesse pão de queijo, que é só amor!

Saladas: como combinar folhas e complementos

Conteúdos de Panelaterapia e Sua Dieta

salad-374173_640

Como você costuma preparar a sua salada? Mistura várias folhas, legumes e condimentos ou tem dúvidas do que combina com o que? Para todas as respostas, esse post é dedicado a dar dicas, ideias e inspirações para ampliar sua visão de uma boa salada (que não deve ser sem-graça, de jeito nenhum) e ajudar a dar aquela caprichada na entrada de cada dia.

Quanto mais variedade nos ingredientes de uma salada, mais colorida e apetitosa ela fica. Porém, muitas pessoas costumam usar apenas verduras e legumes em seu preparo, esquecendo que outros alimentos, como as frutas, grãos e outros incrementos, podem dar mais sabor e deixar o prato muito mais nutritivo.

Folhas

Você pode escolher quantos tipos quiser e combiná-los entre si. É bacana escolher tonalidades e texturas diferentes. Sempre rasgue as folhas com as mãos ou utilize facas próprias que já existem no mercado. Nunca utilize facas metálicas, porque elas oxidam as verduras.

Reprodução Panelaterapia
Reprodução Panelaterapia

Legumes, tubérculos e outros ingredientes

Você pode fazer uma salada apenas de folhas ou se quiser caprichar, fazer uma base com as folhas e mesclar com outros ingredientes, como por exemplo:

Reprodução Panelaterapia
Reprodução Panelaterapia

Frutas

As frutas também combinam muito bem com folhas, abaixo algumas indicações:

frutas reproducao panelaterapia
Reprodução Panelaterapia

Sugestões para combinações com frutas que dão certo:

  • Manga com alface, pepino e kani.
  • Damasco ou uva passa com qualquer tipo de folha, pode ser até um mix delas.
  • Aipo com morangos ou maçã verde com iogurte.
  • Kiwi com alface de todos os tipos e rúcula.
  • Uva passa ou fresca com repolho e iogurte.

Mais abaixo listamos 15 combos completos, incluindo os molhos ideais para cada tipo de salada.

Dicas para as saladas saírem perfeitas na apresentação e no sabor:

  • Para a maçã não escurecer, deixe-a de molho em uma mistura de água e limão
  • Misture manga ou maracujá ao azeite ou ao iogurte para temperar a salada

Complementos

Outros ingredientes interessantes que podem ser usados para incrementar suas saladas:

Reprodução Panelaterapia
Reprodução Panelaterapia

Receitas de Molhos para Saladas

food-424537_640

Observação: os molhos abaixo estão em pequenas quantidades, aumente proporcionalmente os ingredientes de acordo com sua necessidade. Pimenta do reino pode ser adicionada em todos os molhos abaixo.

1. Molho básico: 2 colheres (sopa) de azeite + 2 colheres (sopa) de suco de limão ou vinagre + 2 colheres (sopa) de água + 1 pitada de sal

2. Molho Ácido de Mostarda: 2 colheres (sopa) de azeite + 2 colheres (sopa) de suco de limão ou vinagre + 2 colheres (sopa) de água + 1 colher (sopa) de mostarda comum + 1 pitada de sal

3. Molho Suave de Mostarda: 2 colheres (sopa) de azeite + 1 colher (sopa) de suco de limão ou vinagre + 2 colheres (sopa) de água + 1 colher (sopa) de mostarda comum + 1 colher (sopa) de creme de leite ou creme de ricota + 1 pitada de sal

4. Molho Rosê: 1 colher (sopa) de ketchup + 1/2 colher (sopa) de mostarda + 1 colher (sopa) de suco de limão + 3 colheres (sopa) de maionese + 1 colher (café) de molho inglês + 1 pitada de sal

fig-750844_640

5. Molho de Maracujá: 2 colheres (sopa) de suco concentrado de maracujá + 2 colheres (sopa) de azeite + 1 colher (sopa) de água + 1 colher (café) de mel + 1 pitada de sal

6. Molho de Mostarda e Mel: 2 colheres (sopa) de mostarda comum + 1 colher (sopa) de mel + 1 colher (sopa) de água + 1 colher (sopa) de vinagre balsâmico + 1 pitada de sal

7. Molho de Alho: 2 colheres (sopa) de azeite + 2 colheres (sopa) de suco de limão ou vinagre + 2 colheres (sopa) de água + 1 colher (sopa) de alho frito + 1 pitada de sal

8. Molho de Iogurte: 1 colher (sopa) de azeite + 2 colheres (sopa) de iogurte natural + 2 colheres (sopa) de suco de limão ou vinagre + 2 colheres (sopa) de água + 1 pitada de sal

9. Molho de Manjericão: 2 colheres (sopa) de folhas de manjericão finamente picadas ou trituradas + 3 colheres (sopa) de azeite + 1 colher (sopa) de suco de limão ou vinagre + 2 colheres (sopa) de água + sal

potatoes-452972_640

10. Molho de Ervas Secas: 4 colheres (sopa) de azeite + 1/2 colher (café) de alecrim seco + 1/2 colher (café) de orégano (seco) + 1/2 colher (café) de manjericão seco + 2 colheres (sopa) de suco de limão ou vinagre + 1 colher (sopa) de água + 1 pitada de sal

11. Molho de Laranja: 4 colheres (sopa) de suco de laranja + 2 colheres (sopa) de azeite + 1 colher (café) de mostarda comum + 1 colher (café) de mel + 1/2 pimenta dedo de moça sem semente picada + 1 pitada de sal

12. Molho Oriental: 2 colheres (sopa) de azeite + 2 colheres (sopa) de shoyu + 1 colher (sopa) de água + 1 colher (café) de mel + 1 colher (café) de gergelim torrado + 1 pitada de sal + 1/2 colher (café) de óleo de gergelim (opcional).

13. Molho de Balsâmico: 2 colheres (sopa) de azeite + 3 colheres (sopa) de vinagre balsâmico + 1/2 colher (café) de orégano + 2 colheres (sopa) de água + 1 pitada de sal

Combinações de Ingredientes e Molhos

salad-845359_640

1. Mix de Folhas Verdes (escolha 2 ou mais opções) + Palmito em Rodelas + Tomate em Rodelas + Cebola em Rodelas + Molho Básico.

2. Mix de Folhas Verdes (escolha 2 ou mais opções) + Pepino em Rodelas + Atum em lascas + Molho de Iogurte

3. Mix de Folhas Verdes (escolha 2 ou mais opções) + Damascos + Nozes (ou outra castanha) + Queijo Gorgonzola + Molho Básico

4. Acelga em tirinhas + Beterraba ralada + Cenoura Ralada + Rabanete Ralada + Molho Rosê

5. Acelga em tirinhas + Abacaxi em cubos + Peito de peru em cubinhos + Molho de Iogurte

6. Rúcula + Tomate cereja (ou tomate comum) + Muçarela comum ou de Búfala + Molho de Manjericão

7. Mix de Folhas Verdes (escolha 2 ou mais opções) + Morangos picados + Abacaxi picado + Carambola em fatias + Molho de Maracujá

8. Rúcula + Agrião + Manga em cubos + Molho de Laranja

9. Mix de Folhas Verdes (escolha 2 ou mais opções) + Kani + Pepino em rodelas ou em cubos + Molho Oriental

10. Chicória + Bacon Frito + Alho Frito + croutons + Molho Básico

salad-471861_640

11. Mix de Folhas Verdes (escolha 2 ou mais opções) + Melão em cubos + Presunto cozido em cubos + Molho de Iogurte

12. Rúcula + Ovo de Codorna cozido + Tomate Cereja + Cebola Roxa em Rodelas + Lascas de Parmesão + Molho de Ervas Secas

13. Radícchio + Alface Americana + Azeitonas Verdes e Pretas + Tomate picado (ou cereja) + Queijo Branco em cubos + Croutons + Molho de Manjericão

14. Pepino em cubos + Melancia picada + Melão picado + Molho de Iogurte

15. Mix de Folhas Verdes (escolha 2 ou mais opções) + Uvas Rubi cortadas ao meio + Queijo Gorgonzola + Nozes (ou outra castanha) + Molho de Mostarda e Mel

Algumas dicas

  • Verduras e legumes de cores fortes, por exemplo, são ricos em ferro. Brócolis e beterraba combinam com abacaxi, rico em vitamina C, nutriente que ajuda na absorção deste ferro.
  • O melão e a maçã, que contêm grande quantidade de vitaminas do complexo B, ajudam na absorção do fósforo e do magnésio, encontrado no repolho, abobrinha e chicória.
  • Para quem não gosta do sabor amargo da chicória, um jeito de comê-la sem fazer cara de quem não gostou é misturar uvas passas nessa opção de salada.
  • Para as combinações que levam batata, a dica é não descascar as frutas, já que as cascas ajudam a diminuir a absorção do carboidrato pelo organismo.

Receita: Lasanha de Panqueca e Cocada de Forno

Poder transformar uma receita já conhecida em outra ou mesmo fazer um preparo tradicional de um jeito diferente é o que torna a culinária dinâmica e o prazer em se alimentar (bem) vívido. E essa é a nossa proposta! Compartilhamos duas receitas repaginadas e deliciosas para animar suas refeições.

Você já ouviu o termo shipar? É quando junta-se partes de dois nomes para formar um terceiro, que acaba denominando o casal ou o que quer que seja. E não é que essa moda invadiu a cozinha?! Já existe a coxinhaburguer e o croasonho! E pegando carona nessa onda que está super na moda, vamos ensinar a lasanha de panqueca.

Lasanha de panqueca

d
Foto reprodução Universo das Noivas

Rende 4 porções

Massa

  • 200 ml de leite de coco
  • 1 ovo
  • 1 xícara de farinha de trigo
  • 2 colheres de sopa de manteiga derretida
  • 1 colher de chá de sal

Bata todos os ingredientes no liquidificador. Em seguida, coloque uma pequena porção da massa em uma frigideira aquecida formando uma panqueca. Vire os dois lados da massa para assar. Faça em média 8 panquecas para montar a lasanha.

pancakes-345243_640

O recheio é à gosto, pode ser de carne, frango, calabresa, presunto e queijo, vegetariano, etc…

Para a cobertura

  • ½ xícara de molho de tomate
  • 150g de queijo muçarela

Montagem

Em um refratário coloque uma camada de panqueca, uma de recheio e vá alternando. A última camada é de panqueca. Cubra com o molho de tomate e queijo muçarela e leve ao forno para gratinar.

E para arrematar essa refeição salgada, um docinho que também pode ser um lanche bem gostoso. Não é light, nem diet, nem fit, mas é muito saborosa!

Cocada de forno

unnamed

  • 300g de coco ralado úmido adoçado
  • 2 latas de leite condensado
  • 04 ovos
  • 02 xícaras de chá de leite

Bata todos os ingredientes no liquidificador. Leve para assar em banho maria, em refratário untado e polvilhado. Quando dourar retire do forno. Corte em pedaços e sirva.

Ambas as receitas são do site Universo das Noivas.

Agora é só dar aquela conferida na despensa para ver se tem todos os ingredientes, se não tiver, correr para comprar e preparar essas duas delícias para o seu final de semana!