Tag: manter

Vale a pena ler de novo: Manter o corpo hidratado é importante (e possível), sim!

“Mudaram as estações, nada mudou, mas eu sei que alguma coisa aconteceu…” Você também sabe o que acontece quando muda a estação, nesse quase meio de ano? Ressecamento! As temperaturas abaixam, a gente se esconde sob camadas de roupa e esquece de passar hidratante, pomada, balm e até de beber o mínimo de água indicado, o que é essencial, mais do que para a estética, para a saúde do nosso corpo.

0009762162Z-565x849

Às vezes a gente é meio relapso com informações importantes, como lembrar que a pele também é órgão do corpo – o maior deles. E que cuidar dela também é uma questão de saúde.

O fato de ela estar por fora, revestindo todos nós, dá ainda mais relevância às suas funções. Isso porque ela atua, noite e dia, sem descanso, como uma espécie de escudo, que nos protege de doenças, contágios e infecções bacterianas e fúngicas.

Manter a pele hidrata permite que essa barreira cutânea mantenha-se sempre íntegra, sem fissuras ou descamações (que a gente enxerga como o aspecto ressecado), impedindo a entrada de micro-organismos e enfermidades indesejados.

E olha que o cuidado tem que ser caprichado, viu?! Porque cada parte da nossa pele exige um tipo de manuseio, produto e procedimento. Mas não se desespere, estamos aqui para te ajudar a hidratar-se por completo e mostrar como fazer tudo isso sem sofrimento.

Vale ressaltar que estas são indicações para pessoas que não sofrem de nenhuma irregularidade na pele. Se você tem pele sensível, restrições médicas ou algum tipo de histórico relacionado a questões dermatológicas, consulte um dermatologista antes de sair experimentando qualquer produto. Lembre-se: cuidar da pele também e cuidar da saúde!

Corpo

naked-459711_640

Começaremos pela parte mais extensa. Hidratar a pele do corpo é tarefa obrigatória e também das mais chatas. Isso porque a gente vive apressado, esquece, quando lembra que tinha que passar o hidratante já vestiu a roupa, uma loucura.

Fora que nos dias mais frios é uma tortura sair do banho quentinho e encarar um besunte de hidratante gelado (quem nunca?). Já verão é pavoroso ficar melecado e grudento, com o produto se misturando com o suor; dá vontade de tomar banho de novo e ficar lá até o tempo refrescar.

Graças à tecnologia, hoje há produtos que resolvem o problema nas altas e baixas temperaturas e ainda mantém a umidade da pele sem perrengue: os hidratantes de banho.

0006611819R-565x849

No mercado há diversas marcas, com preços diversos e acessíveis. Não tem mistério: você deixa no banheiro perto do sabonete, toma seu banho como de costume e, depois do enxágue, aplica delicadamente o hidratante do pescoço aos pés, deixa agir pelo tempo indicado na embalagem e lave. Está feito! Corpinho hidratado, sem dificuldades.

Para quem tem pele normal a oleosa, esses produtos funcionam muito bem. Porém, para peles secas ou ressecadas, o ideal é complementar essa hidratação com um produto tradicional, que deve ser usado no corpo seco, de acordo com o tipo e a necessidade da pele. Aqui tem uma seleção bem bacana.

Rosto

0008210534H-849x565

A pele do rosto pede um carinho a parte. Normalmente ela é mais sensível e fica mais exposta do que o resto do corpo, protegido pelas roupas. Ela exige atenção durante o ano todo, afinal, mesmo nos dias mais nublados, a radiação solar está presente.

Muita gente não se preocupa com a hidratação do rosto, mas ela tem o seu valor. Isso porque a exposição do rosto ao ambiente, faz com que a pele seja bombardeada por todo o tipo de coisa (poluição, efeito solar, ar seco etc.). E com o tempo, a tendência é que a pele perca sua umidade natural e a elasticidade, o que a deixa com uma aparência mais enrijecida e marcada.

0006358930R-849x565

Quem maquia a pele diariamente pode se aproveitar dos benefícios dos produtos multifuncionais, como os BB, CC e DD Creams, que hidratam, protegem e disfarçam as imperfeições.

Às que preferem a cara limpa, não é difícil encontrar cremes, gel e loções para essa área. O importante é evitar os produtos com álcool (que tendem a ressecar e sensibilizar) e buscar aqueles específicos para o seu tipo de pele. Se faltar tempo, ou paciência, para esse procedimento durante o dia, as versões noturnas podem ser as ideais.

Os homens também podem se beneficiar com os efeitos de produtos direcionados e mesmo com os prés e pós-barba, que têm, cada vez mais, se atentado à importância e necessidade de cuidados com a pele masculina.

Lábios

É na temporada de outono-inverno que eles gritam mais. E manter os lábios hidratados nessa época pode ser um desafio, ainda mais com a onda dos batons matte para a mulherada (que tendem a ser mais secos).

Aqui o segredo é ter disciplina. Lembrar de aplicar, e reaplicar, um produto hidratante e, muito importante, remover o batom dos lábios antes de dormir – dá preguiça, mas manter resíduos de batom impede que a pele do lábio respire e pode causar uma série de reações, desde alergias a graves descamações e rachaduras.

A grande maioria dos batons, principalmente os cremosos, e glosses possuem efeito hidratante de fábrica, alguns até com um plus de proteção solar. Então, nesse caso, cabe a você eleger um preferido e manter o uso constante, tomando os devidos cuidados de remoção.

Mesmo quem não gosta de cor encontra várias opções de balms, incolores ou que dão uma leve nuance de cor, com a função de hidratação e proteção. Além das queridas e eternas manteigas (de cacau ou não), que servem muito bem a homens e mulheres – homem também tem que cuidar dos lábios!

Mãos e Pés

0009281478D-565x849

Você sabia que as cutículas também são portas de entradas para bactérias, fungos e outros minúsculos organismos nocivos à saúde?! Pois é! E isso pode ser evitado com a hidratação regular das mãos (além das precauções na manicure), que evitam as fissuras, descamações e rachaduras nessa região.

Com os pés a história não é diferente. E não é porque ele tende a ficar escondido nos sapatos fechados, e ninguém está vendo, que deve ser deixado de lado. Eles também precisam de hidratação e proteção.

feet-657207_640

Para nossa alegria e facilidade, há no mercado algumas marcas, não caras, direcionadas à hidratação de ambas as partes, pés e mãos, num mesmo produto. Isso é muito prático, em capital e espaço, e ainda pode te ajudar a não esquecer de cuidar nem de um nem de outro.

Comprar produtos separados em kits é uma boa para quem busca eficiência e economia. Empresas como a Natura, Avon e Boticário, por exemplo, produzem hidratantes para pés e mãos de excelente qualidade e, quando comprados juntos, fazem a diferença no bolso.

Hidratação interna

E, para arrematar a hidratação com chave de ouro, não podia faltar a substância mestra: a ÁGUA. Não adianta, gente, tem que beber água! Você pode fazer todos os tratamentos estéticos, mergulhar em produtos incríveis, mas, se não beber água, os resultados podem não sair como o esperado.

E isso tem uma explicação óbvia: nosso corpo externo, a aparência, é o resultado do que acontece por dentro, no interior. Então não tem como manter a pele bonita sem beber água, o cabelo bonito sem beber água, as unhas fortes sem beber água.

O nosso corpo precisa de água, é composto por água, e não tem discussão. Nem desculpas. Até aquele esfarrapada do gosto (que eu sinceramente não consigo entender) tem solução. A internet está bombada de receitas e métodos de saborizar a água com frutas e ervas, assim como aplicativos, como esse, para derrubar qualquer motivo contra a hidratação.

É hiper importante, é essencial, é a sua saúde em jogo.

Dicas

Depois de tudo isso exposto, cabe a você aí fazer a lição de casa e cuidar desse órgão tão precioso que é a pele. E, para te salvar da confusão mental de tanta informação, aqui vão algumas dicas na hora de fazer as suas escolhas:

  • Os produtos que hidratam são aqueles que contém óleos vegetais, manteigas vegetais, ácido hialurônico, ceramidas e ureia – substâncias que impedem a perda excessiva de água através da pele, deixando-a sempre hidratada;
  • Áreas com mais pelos, como por exemplo, o rosto, braços e o couro cabeludo, geralmente são mais oleosas – mas, por outro lado, áreas mais enrugadas como joelhos e cotovelos são costumam ser mais ressecadas. Nesses casos, a pessoa pode recorrer a hidratantes, vaselina ou até manteiga corporal, mas sempre de acordo com sua pele e situação;
  • Ao tomar banho, evite ficar muito tempo debaixo do chuveiro, evite água muito quente e também o uso da bucha ou sabonete em excesso, que pode tirar a gordura que protege a pele;
  • Use sempre protetor solar: no corpo e um específico para o rosto, sem esquecer de também contemplar o pescoço e o colo.

Fonte das Dicas: Bem Estar

Seleção de bolsas térmicas até R$50: de todos os tipos para levar por aí

Vale a pena ler de novo:

Feriadão também é tempo de organizar a vida, agendar a semana, pensar no cardápio e dar um jeito geral na casa, não é?! Pelo menos a gente tenta fazer tudo isso, apesar de muitas vezes a preguiça ganhar. Vida real, sabemos como é! Para te ajudar a não fugir dos trilhos e escorregar na alimentação, fizemos uma seleção de bolsas térmicas para transportar seus lanchinhos para todo canto.

Nas redes sociais, aqueles modelos super equipados com compartimentos que cabem comida para o dia inteiro viraram moda entre a galera maromba. Nossas escolhas foram menos pretenciosas, mais voltadas à praticidade do dia-a-dia, de tamanho menor e com valor até R$ 50.

MONTAGEM

1.Catmania | 2.MultPart-K | 3.Mega TNT | 4.1001 Novidades | 5.Loja Portal | 6.Tray | 7.ÁguiaBox | 8.ShopFácil | 9.Decorvida Modelo 1 | 10.Decorvida Modelo 2

Você também pode usar a criatividade e dar usos às coisas que ficam meio esquecidas em casa. No fim de ano mesmo, ao comprar um chester, ganhamos uma sacolinha térmica bem charmosinha da marca. Ela pode não ser um exemplo de potência térmica, mas serve para levar uma fruta, iogurte e manter a água fresquinha.

Como emagrecer sem perder massa muscular

photography-945822_960_720

Pode parecer uma preocupação boba, mas quem batalha para moldar o corpo e mantê-lo da forma mais saudável possível sabe o quanto de dedicação e disciplina é necessário empenhar para que os resultados apareçam. Muitas vezes se começa com uma musculação periódica, sem grandes pretensões, mas o organismo vai respondendo de forma satisfatória e é preciso fazer adaptações.

Ao longo do processo há perdas e ganhos, a dieta varia entre mais e menos rigorosa, e ainda que o ganho de massa muscular seja imperceptível para os outros (e super significativa para você), não é justo deixar que todo o esforço se esvaia. Até porque não é legal emagrecer e ficar flácido, e sim com tudo firminho no lugar que tem que estar.

Siga as dicas, coma bem (de tudo e alimentos com qualidade, pouca gordura e muitos nutrientes), exercite-se regularmente e seja beleza pura, não apenas para o verão mas para a vida:

Conteúdo original Mais Equilíbrio

sport-1087028_960_720

Quando o verão se aproxima, a corrida contra a balança logo começa. E para ficar com o corpo em forma, é imprescindível preservar a massa muscular, responsável por aquele visual mega definido que muita gente almeja na estação mais quente do ano.

Quanto maior o índice de massa muscular, mais acelerado será o seu metabolismo, o que impacta positivamente em todas as funções fisiológicas do organismo: do sono à eliminação de gordura corporal e controle do colesterol.

Então se você está no projeto verão para começar o ano com tudo em cima veja dicas para emagrecer sem perder a massa muscular:

Fique atento às calorias

smorgasbord-792906_960_720

Dietas restritivas além de não fazerem bem, podem causar perda da massa muscular. Ou seja, se você está perdendo mais de 900g/1kg por semana de peso corporal você corre o risco de estar perdendo massa muscular junto. Lembre-se que um corpo magro e com massa muscular aparenta estar muito mais definido do que alguém sem massa muscular.

Alimente-se bem

Os carboidratos não devem ser deixados de lado pois eles são importantes para a regeneração muscular entre outras funções. A questão para não engordar é ter equilíbrio e escolher adequadamente seus alimentos. Por exemplo, glicose em excesso é convertida em gordura, mas só em excesso. Coma carboidratos de baixo índice glicêmico e tenha moderação.

Treine pesado

weights-1017465_960_720

 

Para bons resultados, é necessário treinar pesado, encorajando o corpo a manter a massa muscular e ainda promovendo a liberação de hormônios que irão auxiliar ainda mais na queima de gordura.

Cuidado com os aeróbicos

Poucas pessoas sabem, mas a dieta tem um impacto muito maior no corpo do que os próprios aeróbicos, quando o assunto é a queima de gordura. É importante você primeiro ajustar a sua dieta e só depois ir acrescentando os exercícios aeróbicos na sua rotina.

Reduza o stress e restaure o equilíbrio na vida e no trabalho

0001873841II-849x565

Estresse. Você consegue lidar e conviver com ele até o ponto em que leva a querer criar um exército de zumbis e tentar dominar o mundo. E isso acontece quando é quando ele fica um pouco além.

Para muitos de nós, o estresse é causado pela falta de equilíbrio entre vida social e a profissional. E lidar com ele não é nada óbvio. O que precisamos é um pouco menos de autoflagelação e um pouco mais de autoatendimento.

Podemos sugerir que, falando em produtividade, você é uma pessoa atarefada, cheia de compromissos e/ ou projetos profissionais. Ou você é pai/ mãe. Numa parte de ser atarefado vive o medo persistente de que você não está recebendo o bastante pelo o que faz, mesmo quando você está. E em parte de ser pai ou mãe está a crença sincera de que você já fez o suficiente, mesmo quando você não fez.

0008744647I-849x565

Os atarefados realmente acreditam que se apenas fizerem “um pouco mais”, então tudo vai ficar bem. Claro, fez-se um pouco mais ontem e está tudo bem hoje? Não. Tudo o que você faz é elevar a barreira.

Como lidar com o estresse? Defina metas específicas

Buda diria que, usando esta técnica o suficiente, você estará presente e amará a sua vida no agora.

Primeiramente, se você quiser saber como lidar com o estresse, olhe para seus objetivos. Quais são eles? Há quanto tempo você mantém os mesmos objetivos sem alcançá-los? Existe alguma razão para acreditar que você vai fazer desta vez?

0001972228SS-849x565

Se você já mantém os mesmos objetivos por um longo tempo, talvez eles sejam muito grandes. Sim, você deve ter uma GMCA ou ” Grandes Metas Cabeludas Audaciosas.” Mas, se você torná-las muito grandes, muito cabeludas e audaciosas, então elas apenas vão ganhar vida própria e alimentar-se da sua energia e satisfação pessoal.

A razão pela qual seus objetivos são muito grandes pode ser porque você declarou-os como comparativos e não como absolutos. Alguém certa vez perguntou a John D. Rockefeller, “Quanto dinheiro é suficiente?” Sua resposta: “Só um pouco mais.” Isso não é patético? Pare e pense sobre. Ele era o homem mais rico do mundo, poderia fazer qualquer coisa que quisesse, e, basicamente, ainda estava buscando dinheiro.

Em vez de puxar um Rockefeller, definir uma meta específica. “Bastante dinheiro são $ 100 milhões no banco, fora os impostos.” Ainda é uma bela resposta superficial, mas é uma meta superficial específica.

0007843179K-849x565

Dessa forma, você pode medir o progresso e se sentir bem quando a distância entre você e o objetivo estiver diminuindo. Quando você fica ansioso por não conseguir sucesso rápido o suficiente e não sabe como reduzir a ansiedade, apenas defina o alvo do seu objetivo e voilà – num piscar de olhos, estará muito mais perto de atingir.

O Buda recorda que usar esta técnica repetidamente poderá resultar em você reduzir sua meta para o que tem no momento e simplesmente estar presente. Você adoraria a vida que tem, as pessoas que tem, as coisas que tem e seria feliz aqui e agora.

Momento de Autocuidado

Às vezes o problema não está em você ter muito trabalho, mas em você não estar fazendo o suficiente pelo seu bem-estar. O equilíbrio trabalho-vida significa que você tem que gastar algum tempo fazendo, também, coisas da vida: dar um tempo, passear, ficar com os amigos, divertir-se com jogos e cuidar de si mesmo.

0008887522W-849x565

Quando se trata de trabalho, a maioria de nós mantém os compromissos que já estão programados. Mas, quando se trata de vida, nós nem mesmo fazemos nomeações, já com medo de não cumprir e deixar de lado.

Então, comece agora. No início do ano, ou mesmo do mês, agende alguns feriados para passar algum tempo fora. Periodicamente, programe um tempo com os amigos. E, a cada semana, separe algum tempo para fazer algo de bom para si mesmo, o que é autocuidado puro.

Recrute sua criança interior e encontre o equilíbrio entre vida e trabalho

Se para você é difícil seguir com o seu autocuidado, não o faça exatamente por si mesmo. Siga os conselhos do Tim. Ele diz:

“Eu sou ruim em ser bom para mim, mas grande em ser agradável para outras pessoas. Então, nos meus dias de folga, imagino que estou com uma criança pequena (que sou eu mesmo, o pequeno Timmy, minha criança interior) e pergunto o que ela gostaria de fazer. Eu sou mais bonito e mais carinhoso para o pequeno Timmy, porque me preocupo com ele. Enquanto eu poderia poupar em cuidar de mim mesmo, nunca poderia fazer isso com uma criança que eu amo.”

0002848933UU-849x565

Quando o estresse sobe à sua cabeça, e o equilíbrio entre trabalho e vida está em jogo, você precisa saber como reduzir a ansiedade. Ela pode estar vindo de seus objetivos. Se seus objetivos estão sempre recuando e nunca podem ser satisfeitos, altere-os para serem mais específicos (e realistas).

Agende primeiro o autocuidado e depois programe o seu trabalho em torno dele. E se autocuidado não é a sua praia, finja que você está cuidando de si mesmo como uma criança. Se você é mais jovem, compre uma bateria ou algo que lhe faça relaxar. Se é mais velho e até agora não faz a coisa certa, comece a praticar.

Fonte Quick and Dirty Tips
Tradução livre de autoria do blog

Equilíbrio

Original por Carol Celico

“Se a vida é equilíbrio, nosso grande desafio é manter o foco. O equilibrista não pode olhar para baixo para não se amedrontar com o medo de cair, e não pode olhar para cima para que a prepotência não o faça vacilar e desistir. O foco é o que perseguimos em cima da corda bamba.

O nosso olhar, como bons equilibristas, deveria estar voltado exclusivamente ao foco que temos em nossas vidas, para conseguirmos caminhar mesmo sem às vezes conseguir nos equilibrar.

Há também a possibilidade de nos transformarmos na própria corda bamba, fazendo com que outras pessoas tentem andar em cima de nossos próprios erros, fracassos, deformações e frustrações da vida.

tightrope-walker-458315_640

Ou então podemos ser o peso no corpo do equilibrista, quando tentamos obedecer e ser dirigidos por opiniões alheias, indo para o caminho que nos indicam, que nos mandam, que nos aconselham.

Mas creio que na maioria das vezes somos o próprio artista, que tenta a cada apresentação cumprir sua meta, concentrar-se no foco e concluir seu objetivo na medida do equilíbrio.

O que seria essa medida? A tentativa de encontrar a dimensão certa, ou a justa, entre o certo e o errado. O limite colocado em situações, atitudes, sentimentos, para vivermos da maneira mais próxima à perfeição. A tênue linha entre o bem e o mal.

A corda pode romper-se ao meio, o caminho pode machucar nossos pés e a altura pode aumentar o risco da queda. Mas o que demoramos a entender é que o medo que muitas vezes balança a nossa vida não se vence apenas com concentração e sim com o coração.”