Tag: retenção

Para eliminar a retenção, T_SEK*

dsc02491

Atire a primeira pedra quem nunca sofreu (ou ainda sofre) com retenção de líquidos! Não tem jeito, essa palavrinha já é velha conhecida de muita gente, principalmente das mulheres, por conta dos períodos de alteração hormonal. A gente se exercita, pega firme na dieta, faz tudo direitinho, mas permanece com a impressão de inchaço e não enxerga o resultado. O desconforto agora tem um combatente para eliminar os excessos: o T_SEK, da Power Supplements.

Assim como os demais produtos da marca, o T_SEK também está dando o que falar e conquistando cada vez mais espaço entre quem busca definição muscular e se livrar daquela sobrinha indesejada.

dsc02501

Como todo suplemento, seu consumo deve ser orientado por um profissional da área médica ou nutrição. Porém, o bacana é que o T_SEK é um composto em pó com vários agentes vegetais, que promovem efeito diurético e ajudam a firmar a pele, como: colágeno, polpa desidratada de abacaxi, flores de hibisco, capom-limão em pó, carqueja, chá verde e chá branco, além de outros ingredientes que fazem dessa forma uma aliada em qualquer plano para um corpo sequinho.

O T_SEK apresenta-se em pó, em embalagem de 120g, para consumo de 30 dias, acompanhado de um dosador que permite a medição exata para a ingestão diária. Ele deve ser diluído numa porção de 400 ml de água e consumido a qualquer hora do dia.

dsc02498

A partir do seu uso, para melhor absorção e resultado, é importante tomar em média dois litros de líquidos por dia, todos os dias – um estímulo a mais também para manter esse hábito que só traz benefícios à saúde (água é vida!). #ficaadica

Se associado a uma dieta equilibrada e hábitos de vida saudável, o T_SEK ainda auxilia na perda de peso, pela ação do cromo (que inibe a vontade de comer doces) e da biotina (uma  das vitaminas do complexo B que atua como uma enzima no processamento de gorduras, açúcares, proteínas e carboidratos).

É contraindicado para grupos de risco: crianças, nutrizes, gestantes, idosos e portadores de doenças. Para todos os demais, a compra é livre na Bom Suplemento.

Se interessou pelo assunto e está procurando suplementos de qualidade?! Leia também sobre o Sineflex e o Thermo Fluid.

*Publipost: esse é um post encomendado por acordo de permuta

7 maneiras (fáceis!) de desinchar em apenas 1 dia

Conteúdo original M de Mulher

Sabe quando você acorda achando que engordou 2 quilos da noite para o dia? Sim, esse tipo de pânico é comum e você não está sozinha. A maior de nós já passou pela situação nada agradável. A boa notícia é que na maioria das vezes o problema não passa por um inchaço temporário e que você pode resolver com alguns ajustes simples na alimentação. Veja o que fazer:

belly-2473_960_720

1. Troque todas as bebidas por água

Pode até parecer contraditório, mas ingerir muita água não vai te fazer inchar. O seu corpo muitas vezes armazena água de modo a não ficar desidratado, mas se você está constantemente ingerindo o líquido, o seu corpo expulsa um pouco do estoque. Resultado: corpo mais enxuto e sem retenção de líquidos, acredite.

2. Evite alimentos com ‘álcoois de açúcar’

Os alimentos que são compostos de álcoois de açúcar, um tipo de adoçante de baixa caloria, podem contribuir para o seu inchaço. Eles causam alterações no seu trato gastrointestinal e podem levar a gases, cólicas, inchaço, e até mesmo a diarreia se você ingerir muito. Esses sintomas desagradáveis ​​são um indício de que é difícil para o seu corpo quebrar totalmente esses adoçantes durante o processo digestivo. Há também o fato de que eles tendem a estar presentes em alimentos altamente processados, o que só agrava o problema digestão.

3. Preste atenção à sua ingestão de fibra

appetite-1238252_960_720

Ela mantém o seu sistema digestivo funcionando e ajuda você a se sentir saciado por mais tempo, o que é uma vantagem se você quer perder peso. Porém, se não estiver acostumada a consumir fibra e começar a ingerir altas quantidades em um curto período de tempo, isso pode te deixar inchada. O recomendável é entre 20 e 25 gramas por dia e tomar muita água junto com qualquer alimento fibroso para ajudar seu corpo digeri-lo mais facilmente,

4. Escolha suas frutas e vegetais com sabedoria

Frutas como cerejas, pêssegos, uvas e mangas podem inchar você mesmo tendo uma abundância de benefícios nutricionais impressionantes. Apesar de saudáveis, estas frutas contém grande quantidade de álcoois de açúcar ou açúcar. Se você está tentando desinchar, fique com amoras, morangos, melão e laranja, que têm menor teor de açúcar e grande quantidade de água.

Quanto aos vegetais, os crucíferos, como couve de bruxelas, brócolis e couve-flor são carregados de rafinose, o mesmo composto que produz gases quando você come feijão. Para acertar nas escolhas, aposte nos que possuem grande quantidade de água, como pepino e abobrinha.

5. Fique livre dos carboidratos

cake-74206_960_720

O carboidrato refinado, presente em produtos elaborados com a farinha branca, como pães, bolos, pizzas, podem favorecer o inchaço. Algumas pessoas têm intolerância a esses alimentos e em alguns casos apresentam alergias associadas a seu consumo.

6. Mastigue, mastigue, mastigue

Às vezes, a culpa não é do que você come, mas como você come. Se você gosta de conversar  enquanto realiza suas refeições ou tem o hábito de mastigar muito rápido, o seu estômago está recebendo, juntamente com a comida, uma grande quantidade de ar. O resultado você já pode imaginar, né? Barriga inchadinha e digestão lenta. A gente também já falou por aqui que mastigar pode ser a chave para você controlar a gula e manter a balança sob controle, lembra

7. Corte os alimentos salgados

Se, de repente, o seu sutiã apertou e você está se sentindo como se estivesse com um espartilho, fique longe dos alimentos ricos em sódio. Quando você exagera no componente, seu corpo retém mais água para tentar manter o equilíbrio adequado em sua corrente sanguínea. Se possível, fique com uma inferior a 2.400 miligramas de sódio por dia e, novamente, a água todo o tempo é fundamental para diminuir o problema.

Suco com chá dá samba, ou melhor, SUCHÁ!

Já pensou em misturar a refrescância do suco com as propriedades do chá numa única bebida cheia de benefícios e nutrientes? Pois essa alquimia já existe e com o nome chipado: Suchá! É uma opção que foge do óbvio e não deixa a dever para as bebidas turbinadas como o suco verde e smoothies.

Não tem muito segredo. O suchá é o fruto da combinação de chás e sucos com componentes complementares, que resultam em uma bebida harmoniosa e rica para a manutenção da saúde e bem-estar.

Ele vem fazendo sucesso e conquistando cada vez mais adeptos. O sucesso se dá pela facilidade e, principalmente, por proporcionar a ingestão e a absorção dos benefícios de fontes com sabor pouco atrativo, como os amargos chá verde e cavalinha, por exemplo.

Infusões de paladar mais marcante e ingestão com restrições, como a canela, também ganham um casamento harmonioso, como o suco de maçã, originando um suchá agradável, com notas de sabor e aroma na medida certa.

Gostou? Quer aprender a fazer? Sugerimos cinco opções de suchá fáceis e simples para você experimentar e, quem sabe, também aderir a esse novo movimento saudável.

1. Suchá de hortelã, erva-doce e abacaxi

Ingredientes:

  • 8 folhas de hortelã (grande)
  • 1 colher de café de erva-doce
  • 1 fatia de abacaxi
  • Açúcar a gosto
  • Gelo a gosto

Modo de preparo: fazer a infusão com as folhas de hortelã e erva-doce, coar e reservar; liquidificar o chá com o abacaxi e coar; antes de servir, adoçar a gosto e adicionar gelo se preferir.

2. Suchá de erva cidreira, gengibre e limão

Ingredientes:

  • 5 folhas de erva cidreira
  • 1 colher de café de gengibre ralado
  • Suco de ½ limão
  • Açúcar a gosto
  • Gelo a gosto

Modo de preparo: fazer a infusão com a erva cidreira, coar e reservar; liquidificar o gengibre, o chá e o suco de limão e, depois, coar e adoçar a gosto antes de servir.

3. Suchá para Emagrecer e Eliminar Retenção Líquida

Ingredientes:

  • 250 ml de chá de hibisco
  • 5 morangos lavados e sem a folha
  • ½ xícara (chá) de mirtilos (blueberry) lavados
  • 1 folha de couve

Modo de preparo: primeiramente ferva um copo de água (150 ml) e acrescente o chá de hibisco. Deixe descansando depois de fervido tampado até que ele fique frio. Após isso, bata no liquidificador os morangos e os mirtilos e aos poucos acrescente o chá. Para finalizar, bata a couve juntamente com os outros ingredientes por cerca de 40 segundos. Beba sem coar e se desejar acrescente gelo e adoçante.

4. Suchá Detox

Ingredientes:

  • 2 colheres (sopa) de chá verde (erva)
  • 260 ml de água
  • 1 xícara (chá) de água fervente
  • 1 fatia de abacaxi
  • Hortelã a gosto

Modo de preparo: Faça primeiro o chá verde. Ferva 260 ml de água. Desligue o fogo, coloque as duas colheres (chá) verde e tampe a panela. Deixe esfriar por aproximadamente 15 minutos. Bata no liquidificador com o abacaxi e a hortelã e sirva.

5. Suchá de Hibisco com Capim Limão e Suco de Limão

Ingredientes:

  • Chá de Hibisco:
    • 500ml de água
    • 2 colheres (sopa) de chá de hibisco
  • 1 limão Tahiti (suco)
  • 3 colheres (sopa) de capim limão picado

Modo de preparo: Prepare o chá: leve a água para ferver. Quando ferver, desligue o fogo e coloque o chá de hibisco. Deixe tampado de 3 a 5 minutos (Quanto mais tempo a mistura permanecer fechada, o chá ficará mais forte. Esse processo chama-se infusão). Passe o chá por uma peneira e junte o suco de limão. Coloque a mistura de chá e suco de limão em um copo de liquidificador e adicione o capim limão. Bata no liquidificador por 5 minutos. Passe pela peneira novamente e coloque em uma jarra. Coloque gelo e adoce a gosto. *Para variar, susbtitua o chá de hibisco por chá de jasmim.

Fontes:
Suchá 1 e 2, Albert Einstein
Suchá 3, Seu Corpo Perfeito
Suchá 4, Comida e Receitas
Suchá 5, Dedo de Moça

Massagem modeladora para você mesma fazer

Essa é para as meninas. Quantas vezes você já se sentiu inchada e estufada? Mesmo fazendo dieta, comendo certinho e bebendo a quantidade recomendada de água, a retenção de líquidos te pega? Fique calma. Nós do Equilibre-se entendemos as suas necessidades e vamos compartilhar um passo-a-passo do M de Mulher que mescla técnicas de drenagem linfática e massagem modeladora para te deixar menos inchada e com a autoestima lá em cima.

Como funciona:

Essa massagem é totalmente feita apenas com as mãos, por meio de pressões leves nas áreas específicas para a ativação dos gânglios linfáticos. A linfa é um fluído rico em glóbulos brancos que circula pelo corpo, sob um princípio semelhante ao do sangue – uma rede de vasos distribuído por toda nossa estrutura.

A função da linfa é eliminar as impurezas produzidas durante o metabolismo celular. Essa “sujeira” é lançada no sangue e transportada pelo sistema circulatório até ser filtrada pelos rins e eliminada na urina.

Por isso, estimular o funcionamento dos gânglios linfáticos pela drenagem ajuda na eliminação de líquidos, toxinas e, consequentemente o inchaço e reduz o aspecto casca de laranja da celulite.

barriga
Imagem da Freepik – Link integrado

Essa técnica também ameniza os sintomas da TPM, pois melhora a circulação sanguínea e auxilia na normalização das taxas hormonais (que sofrem queda nesse período – o que explica nossas constantes alterações de humor e sensibilidade [abafa!]), aumentando a sensação de bem-estar.

Se você levar um estilo de vida mais saudável, essa massagem ainda pode ser uma forte aliada na redução de medidas e eliminação das indesejadas gordurinhas. É ou não é tudo de bom?

Quer aprender a fazer? É importante destacar que os movimentos são firmes, porém a pressão é leve! Não é para doer, nem deixar roxos na pele. Take it easy! (leia-se: Tenha calma!) Vamos ao passo a passo (explicações originais do M de Mulher/ fotos de Mari Queiroz e Luciana Cristhovam):

1. Com os ossinhos dos dedos, faça movimentos vigorosos de cima para baixo nos glúteos e na parte interna e externa das coxas. Repita o processo até surgir uma vermelhidão leve. Isso significa que a circulação foi ativada. Mas não exagere para não machucar a pele. Se quiser focar o culote, intensifique o movimento na lateral das coxas
2. Faça o movimento de amassamento nas coxas e no culote com os dedos e a palma das mãos (como se estivesse amassando uma massa de bolo)
3. Deslize a base das mãos nas coxas (na frente, atrás e dos lados) de cima para baixo, alternando-as com movimentos rítmicos. Não esqueça de fazer leve pressão durante a execução do movimento
4. Deslize as mãos em formato de “C” levando a linfa para os gânglios das virilhas, sempre de baixo para cima. Mas comece próximo da virilha, fazendo um caminho curto até o gânglio. Desça até o meio da coxa e “arraste” a linfa mais uma vez para a virilha. Vá fazendo isso, descendo aos poucos até chegar aos pés
5. Com as mãos abertas, faça o movimento de rodo na parte de trás das coxas e nos glúteos, sempre trazendo a linfa em direção aos gânglios localizados nas virilhas – nesse caso de trás para a frente
6. Faça movimentos vigorosos no abdômen de cima para baixo, usando os ossinhos dos dedos das duas mãos. Exerça pressão e mantenha o ritmo
7. Com as mãos abertas, faça o movimento de rodo na região do abdômen – aqui de cima para baixo ou em direção às virilhas. Comece a massagem logo abaixo do umbigo e repita o processo até chegar abaixo dos seios
8. Com a palma das mãos posicionada na região da cintura, repita o movimento de rodo, levando a linfa em direção aos gânglios localizados nas axilas. Lembre-se de que o movimento deve ser suave, mas exercer leve pressão

Atenção grávidas!

esboco-da-mulher-gravida